01/04/2021 | 11h50m - Publicado por: Flavia Almeida | Foto: Reprodução/Globo

BB21: ‘Não vou ter medo, só eu sei o que passei’, promete Gilberto

Gil não conseguiu aproveitar a festa como costuma fazer

BB21: ‘Não vou ter medo, só eu sei o que passei’, promete Gilberto - Reprodução/Globo

Pela primeira vez, desde que o reality começou, Gilberto não curtiu muito a festa. O brother passou a maior parte do tempo deitado, tanto que a hashtag “cadê o Gil” ganhou força no Twitter, durante o agito.

Em uma conversa com Caio, o economista disse que, embora ainda esteja abalado com a eliminação de Sarah, não se deixará abater.

"Algo que eu cheguei a conclusão é que todo mundo nos conhece. Sabe das nossas fraquezas, alegrias e raiva. O povo já conheceu todos os meus lados e viu que nunca fiz nada na maldade. Isso me deixa feliz e calmo. O povo pode ter raiva e me odiar, mas não fiz na maldade. Então, não tenho mais medo, não”, disse ele ao fazendeiro.

Caio o incentivou.

"Imagina quantas milhares de pessoas se identificam com a gente", disse.

Gilberto relembrou algumas situações difíceis que já enfrentou e avaliou que sua história de vida fará com que ele se mantenha confiante.

"Não vou ter medo. Eu crio realidades paralelas, faço muita merda, acho coisas que não são e penso coisas que não existem. Só que eu sei o que passei. Sei que já dormi na rua, sei o que é ter um pai viciado, ser despejado de casa por não ter dinheiro. Até a minha sexualidade dentro da igreja tive de escolher", desabafou.

SAIBA TUDO SOBRE O BBB21

Feridas pessoais

A irreverência do pernambucano de 29 anos não faz com que ele esqueça as dificuldades e traumas na infância, quando via o pai, então viciado em álcool e drogas, batendo na mãe. As agressões se estendiam a ele, caçula dos três filhos da nordestina Jacira Santana.

"Ele me via apanhando e também sofreu violência psicológica, já que o pai, negro, dizia que ele não era filho dele por causa da cor. O pai dele me acusava de traição e batia em mim", conta a mãe ao jornal Extra.

Dona Jacira se separou do marido quando Gil tinha 4 anos e, atualmente, o brother não tem mais contato com o pai. Gil e suas duas irmãos foram criados com o salário de doméstica, auxiliar de cozinha e de serviços gerais, no município de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, onde o BBB nasceu.

"Morávamos de aluguel na época e eu tinha que comprar comida e sustentar a casa. Não tinha dinheiro para roupa. Gilberto só tinha uma calça e uma camisa verde, que ele ganhou e que usava em todos os lugares. Ele foi crescendo, e só usava essa mesma roupa. Na época, chamávamos ele de 'esperança', por conta da cor da camisa e da calça", contou a mãe do brother.

Gilberto começou a trabalhar aos 15 anos, como auxiliar de garçom, limpando mesas num restaurante da cidade. O serviço era conciliado com os estudos e poucas horas de sono. O dinheiro que ganhava ia todo para as despesas da casa.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico