Galerias

08/09/2020 | 09h53m - Caroline Huertas

SOLO: Maitê Proença estreia peça de sua autoria: O Pior de Mim

Ver mais galerias

Maitê Proença estreia, na próxima quarta-feira (9), sua peça O Pior de Mim. O solo é estrelado pela atriz e todo o texto foi escrito por ela mesma. 

Em cena, ela revisita histórias de sua vida, desde a infância até os dias de hoje, e faz uma reflexão sobre o passado, a família, eventos que repercutiram em sua vida pessoal e trabalho, seus bloqueios, seus traumas e sua intimidade. 

Maitê ainda "parte de sua história pessoal para falar de todas as histórias" e passa a tratar de assuntos como misoginia, o machismo, ser mulher aos 60 anos no Brasil e todos os preconceitos enfrentados. 

A atriz quer que o público se identifique com a sua trajetória e se veja em seus relatos e reflexões. 

O Pior de Mim faz parte do projeto Teatro Já, do Teatro PetraGold, no Rio de Janeiro, e será transmitido ao vivo dos palcos para todo o Brasil e mundo via internet. 

A curta temporada virtual durará um mês. Metade da arrecadação dos ingressos é destinada ao auxílio de famílias de técnicos e artistas teatrais, desempregados durante a pandemia do coronavirus.

 

FICHA TÉCNICA

Texto e Atuação: Maitê Proença 

Direção: Rodrigo Portela 

Assistente de direção: Clarisse Derzié Luz e Nina Luz

Trilha: Marcello H

Direção de produção: Bianca De Felippes 

Assistente de Produção: Renato Krueger

Assessoria de Imprensa do Teatro PetraGold: JSPontes Comunicação – João Pontes e Stella Stephany

 

SERVIÇO

ESTREIA: dia 09 de setembro (4ªf), às 17h

Do palco do Teatro PetraGold, ao vivo

HORÁRIOS: sempre às quartas (dias 09, 16, 23 e 30 de setembro), às 17h

INGRESSOS POPULARES: R$10,00

ONDE COMPRAR E ONDE ASSISTIR: 

https://www.sympla.com.br/eventos?s=o%20pior%20de%20mim

GÊNERO: confessional / DURAÇÃO: 50 min / CLASS. INDICATIVA: 14 anos  Vemos as circunstâncias que lhe foram impostas em cruzamento com as armadilhas que ela mesma se impôs para se defender.

 

 





Instagram

Instagram

OFuxico