Notícias às 10:00

Kris Jenner fala pela primeira vez do divórcio de Kim Kardashian e Kanye West

Reprodução/Instagram

Finalmente, alguém da família Kardashian está falando abertamente sobre o divórcio de Kim e Kanye West. Esta semana, Kris Jenner, mãe da empresária, tocou no assunto durante sua participação no programa The Kyle & Jackie O Show. 

Jenner não hesitou em falar sobre como a mãe de North, Saint, Chicago e Psalm está depois de se separar do rapper. 

A matriarca foi questionada sobre o divórcio e também se essa questão entraria na temporada final do reality show Keeping up with the Kardashians. 

Ela respondeu: "O bom da nossa família é que estamos sempre presentes um para o outro: apoiamo-nos e nos amamos muito, muito. Neste caso, tudo o que quero é que ambos sejam felizes”, garantiu , referindo-se a Kim e West, a quem ela chama de 'filho'. 

"E também quero que as crianças sejam felizes. Esse seria o objetivo", explicou Kris, que enfatizou que 'uma separação sempre será um momento difícil' e mais ainda neste caso em particular porque Kim Kardashian e o músico 'tem muitos filhos', indicou. 

Kris resumiu dizendo que 'felicidade e tranquilidade é o que todos querem para nossas famílias': 

"Só isso, poder ter o amor e o carinho das pessoas ao seu redor e que todos estejam bem. É isso que você busca como mãe”, acrescentou, afirmando que talvez parte do assunto será mostrado no programa. 

Mas ela entende que Kim poderia ter decidido manter esse problema atrás das câmeras para não ter um confronto com Kanye, que não gostou muito de participar do reality. 

"Acho que é um momento privado, deles. Kim queria lidar com isso com a própria família, no devido curso (…) Quando ela tiver vontade, tenho certeza que ela dirá o que tem a dizer.", afirmou. 

 

Sem comunicação direta

 

Kim Kardashian e Kanye West estão seguindo em frente com suas vidas, após sua separação. E embora se diga que o rapper não tirou a aliança de casamento de seu dedo, na esperança de se reconciliar com a mãe de seus quatro filhos, as coisas mudaram. De acordo com um informante do jornal New York Post, eles não estão mais se falando. 

Tudo indica que o cantor se irritou quando soube que Kim ia dar entrada nos papéis do divórcio, e isso o afetou. 

“Mesmo antes de Kim pedir o divórcio, Kanye mudou seus números de telefone e disse a ela: 'Você pode entrar em contato comigo através do meu segurança'.", contou um informante. 

A partir daí tudo ficou mais complicado no relacionamento deles. 

"Quando Kanye chega na casa de Kim para ficar com os filhos, ela sai. Eles nem se cruzam", garantiu a fonte. 

“Apesar da situação atual, ela confia nele com os filhos. Ela sabe que ele os ama (…) ela sai de casa e ele vem e se junta com as crianças. Eles têm um exército de babás, então a transição é fácil”, acrescentou uma pessoa próxima. 

O casal compartilha quatro filhos: North, de sete anos, Saint, de cinco, Chicago, de três, e Psalm, de um aninho. 

Kim pediu o divórcio oficialmente em fevereiro de 2021, após meses de rumores de que eles poderiam se separar. 

Mas há quem garanta que a separação vem sendo discutida desde julho do ano passado, devido ao comportamento do rapper durante sua campanha presidencial.