Stripper diz que médico de Michael Jackson esteve em clube, antes da morte do cantor

Por - 29/06/10

O advogado de Joe Jackson vai entrevistar uma stripper que não só alega que o Dr. Conrad Murray esteve no clube de strip Sam’s Hof Brau na noite anterior à morte de Michael Jackson, como já havia levado a moça para a casa do pop star em outra oportunidade.

A dançarina, que trabalhou no clube no dia 24 de junho de 2009, diz que Murray esteve lá nesse dia bebendo, pouco antes da meia-noite.

Brian Oxman, o advogado de Joe Jackson que entrou com uma ação contra o Dr. Murray, falou com o “representante” da stripper, segundo o site TMZ, e já agendou uma conversa com ela.

Oxman quer saber se a dançarina já foi levada alguma vez para a casa em que o pop star morava quando morreu.

O advogado diz que foi informado que a moça esteve na casa de Holmby Hill tarde da noite, depois que o clube fechou, em uma ocasião, e Jackson estava em casa, embora estivesse dormindo.

Na carta de intenção de processo que Oxman escreveu, ele acusa o médico de beber no Sam’s Hof Brau antes de ir cuidar de MJ na noite de sua morte.

O representante de Murray nega esta acusação e diz que o médico não bebe.

Tudo sobre famosos você encontra em O Fuxico, o site que é referência em celebridades!