Morre Zé Celso Martinez: Famosos lamentam o falecimento do dramaturgo

Por - 06/07/23 às 10:33

Zé Celso MartinezZé Celso Martinez era muito querido entre celebridades e políticos - Foto: Divulgação

A morte de Zé Celso Martínez, na manhã desta quinta-feira, 06 de julho, em São Paulo, deixou a classe artística consternada. O dramaturgo, que havia sido internado na UTI do Hospital das Clínicas na manhã do último dia 03, teve o estado de saúde agravado após sofrer queimaduras devido a um incêndio em seu apartamento no Paraíso, Zona Sul de São Paulo.

Após o anúncio do falecimento de Zé Celso, as redes sociais foram inundadas de mensagens dos famosos lamentando a perda do grande artista. Em postagens na web, artistas destacaram a audácia e a competência do dramaturgo.

“Que dia triste. Uma perda imensa para o teatro e para o Brasil. Todos os aplausos para você são poucos. Viva Zé Celso!”, disse o ator Armando Babaioff.

Michel Melamed também se pronunciou: “O Teatro Brasileiro. Viva Zé Celso Celso! Viva o Teatro Oficina!”, disse

O ator Laerte Coutinho,que trabalhou com Zé Celso, comentu: “Zé Celso, querido. Que triste saber dessa morte”.

Postagem sobre morte de Zé Celso Martinez
Paulo Betti expressou seu pesar – Foto: Reprodução/ Twitter

A atriz Lúcia Veríssimo ressaltou qualidades do dramaturgo: “Antropofágico, inquieto, irreverente, antenado e revolucionário é o pouco que se pode resumir desse genial autor e diretor. O teatro brasileiro deve e muito a genialidade de Zé Celso. Essa chama interna que transbordou em seu Teatro Oficina è que il levou a sua memorável montagem de O Rei da Vela, um verdadeiro manifesto aos duros tempos de chumbo. E agora novamente envolto em chamas ele parte para empobrecer ainda mais a cultura do país. Como você cumpriu bem sua missão, Zé Celso, sua chama interna permanecerá exigindo efervescência cultural para todo sempre. Obrigada.”

O apresentador Britto Jr. exaltou o artista: “Morre em São Paulo Zé Celso Martinez, um dos maiores diretores de teatro do Brasil. Foi o epílogo de uma tragédia!”

A atriz Isabel Teixeira, uma apaixonada pelos palcos lamentou: “Eterno em todos nós.”

POLÍTICOS EXPRESSAM O PESAR

O Vice-presidente da República, Geraldo Alckmin, fez questão de destacar a força do dramaturgo: “José Celso Martinez escreveu uma rica história pessoal e para o Brasil. Irreverente, provocativo e dono de uma enorme capacidade inventiva, Zé Celso tornou o Teatro Oficina um patrimônio da cultura brasileira e um celeiro de talentos para nossos palcos”.

O ministro Fernando Haddad, de quem ele era próximo, se pronunciou: “Com a morte de Zé Celso Martinez Corrêa morre também uma parte do sentimento de ousadia e coragem do teatro brasileiro. Meus sentimentos aos familiares”, disse o parlamentar.

Guilherme Boulos destacou: “Vá em paz, meu amigo! A rebeldia e transgressão que mudaram a história do teatro brasileiro. Viva a arte eterna de Zé Celso! Viva, Zé!”

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Tags:

É jornalista formada pela Universidade Gama Filho e pós-graduada em Jornalismo Cultural e Assessoria de Imprensa pela Estácio de Sá. Ela é nosso braço firme no Rio de Janeiro e integra a equipe de OFuxico desde 2003. @flaviacirino


×