Britney Spears teve que ‘pegar lixo na rua’ após perder a virgindade

Por - 24/10/23 às 15:40

Britney Spears sorrindoReprodução/Instagram/@britneyspears

Britney Spears vem abrindo o jogo sobre sua vida no livro de memória que promete histórias inacreditáveis da carreira e da vida pessoal da cantora. Em uma delas, ela lembrou de quando perdeu a virgindade aos 14 anos com um homem e foi obrigada a “pegar lixo na rua” por sua mãe, já que ela estava perdendo aulas na escola para se encontrar com o rapaz.

Britney também se lembra de ter se apaixonado pelos amigos de seu irmão na época da escola, lembrando-se de um menino em particular, que era três anos mais velho que ela.

“Naquele ano, gostei de muitos garotos do grupo do meu irmão. No último ano dele, comecei a namorar seu melhor amigo. Perdi minha virgindade com ele”, contou.

Britney explicou que fugia da escola para encontrar o namorado. No entanto, isso a fez perder vários dias de aula e ela se livrava das advertências por sempre falsificar a assinatura da mãe.

“Eu ia para a escola normalmente às 7h, mas saía na hora do almoço, por volta das 13h, e passava a tarde com ele. Então, ele me levava de volta assim que as aulas terminavam. Eu, inocentemente, entrava no ônibus e ia para casa como se nada tivesse acontecido”.

Porém, não demorou para Lynne descobrir, já que a escola havia ligado para a mãe de Britney, informando que ela havia perdido 17 dias de aula. Além disso, foi o irmão dela, Bryan, quem a dedurou.

“Meu irmão, que sempre foi muito protetor, começou a odiar o amigo dele. Quando Bryan me pegou fugindo, ele me dedurou aos nossos pais. Como castigo, tive que andar o dia todo pelo bairro com um balde, limpando o lixo como uma prisioneira na estrada. Bryan me seguiu tirando fotos enquanto eu, chorando, catava o lixo”, lembrou o cantor.

Drogas Pesadas

Um dos capítulos mais esperados do livro de memórias que Britney Spears está lançando, é sobre seus anos mais obscuros, e seus supostos problemas com as drogas e a bebida. Em um fragmento da publicação, difundido na imprensa, a cantora falou sobre seus primeiros anos de vida adulta sendo fotografada e perseguida por fotógrafos e pela mídia.

Ela disse ao “The New York Times” que, apesar de como os tabloides possam ter feito parecer, ela “nunca usou drogas pesadas” e afirma que “nunca teve problemas com a bebida”.

Ela ainda reforçou que “nunca foi tão selvagem quanto a imprensa fez parecer”.

No entanto, Spears revelou que sua “droga preferida” era Adderall [cujo princípio ativo é anfetamina]. Ela explicou por que preferia o remédio comum para TDAH [Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade], dizendo:

“Me deixou chapada, sim, mas o que achei muito mais atraente foi que me deu algumas horas de sensação de menos depressão”, justificou.

Em seu momento mais difícil de 2006 em diante nos próximos anos, Britney explicou que o colapso que teve posteriormente foi devido às muitas coisas que passou em sua vida.

Para contextualizar, Britney Spears deu à luz seus dois filhos, Sean Preston e Jayden James, em 2005 e 2006. Ela se separou de Kevin Federline, seu marido na época, poucas semanas após o nascimento de Jayden James.

Além disso, sua querida tia Sandra morreu de câncer no ovário em janeiro de 2007.

Britney escreveu sobre o quanto tudo isso significou para ela: “Com a cabeça raspada, todo mundo tinha medo de mim, até minha mãe. Sobre aquelas semanas sem meus filhos, eu perdi o controle repetidamente. Eu nem sabia realmente como cuidar de mim mesma”, disse Britney.

Tags:

Formado desde 2010, já passou pelas editorias de esporte e entretenimento em outros veículos do país e atualmente está no OFuxico. Produz matérias, reportagens, coberturas de eventos, apresenta lives e ainda faz vídeos curtos para as redes sociais


×