Taís Araújo e artistas pretos brilham em lançamento de Fernando Torquatto

Por - 24/11/22 às 07:43

Taís Araújo e Fernando TorquattoTaís Araújo e Fernando Torquatto - Foto: Thyago Andrade/ Brazil News

Reunindo 200 convidados entre artistas, modelos e influenciadores digitais, Fernando Torquatto lançou o representativo livro “Realeza”, uma verdadeira ode à beleza negra, na noite de quarta-feira, 23 de novembro, no Copacabana Palace, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

A obra reúne 180 cliques de personalidades brasileiras, por uma ótica mais sensível e reflexiva do artista.  Consolidado como o queridinho das celebridades, o maquiador e fotógrafo já assinou a caracterização de personagens icônicos em peças de teatro, minisséries e novelas globais, como “Da Cor do Pecado”, protagonizada por Taís Araújo.

Leia +: Fernando Torquatto faz parte da equipe de ‘Travessia’

“Eu usava uma base no tom da Juliana Paes e ia mesclando com sombras terrosas, até chegar no tom da Taís. Essas peles, esses rostos, vêm se contextualizando. Fazer esse livro destaca um momento especial na minha vida. Durante a realização desse trabalho, pela vibe, diante desses rostos, dessa história, senti que estava abraçando essa história”, disse ele, emocionado. Inspirados na força, beleza, potência e representatividade negra na cultura brasileira, os cliques foram feitos durante os últimos dois anos, exclusivamente para esse projeto.

“Produzi e fotografei figuras sociais importantes dentro do movimento, modelos e artistas negros, como Gilberto Gil, Carlinhos Brown, Glória Maria, Luanda Vieira, Tais Araújo, Zezé Mota, Margareth Menezes, Preta Gil, Camila Pitanga, Lazaro Ramos, Iza e Hugo Gloss, mas também indivíduos que tem uma vida considerada mais ‘comum’ como figurinistas, recepcionistas de salão, entre outros, que me atraíram com suas histórias inspiradoras. Meu maior objetivo com essas fotografias é trazer referenciais de beleza negra para que meninas e jovens se espelhem, se sintam representadas, incluídas e que possam assim, reafirmar ou resgatar sua autoestima, se orgulharem de quem são”, explicou Fernando Torquatto.

TRABALHO NA PANDEMIA

Toda a direção de imagem foi feita exclusivamente por Torquatto, durante o período de isolamento social da pandemia, desde os convites às personalidades, cabelo, maquiagem e styling, com peças de seu acervo pessoal.

“Encontrei na arte uma forma de colaborar com essa luta contra o racismo e a favor da pluralidade”, completa.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Tags: ,

É jornalista formada pela Universidade Gama Filho e pós-graduada em Jornalismo Cultural e Assessoria de Imprensa pela Estácio de Sá. Ela é nosso braço firme no Rio de Janeiro e integra a equipe de OFuxico desde 2003. @flaviacirino


×