Assassino de Daniella Perez, Guilherme de Pádua some das redes ao descobrir documentário

Por - 15/11/21 às 19:00

Guilherme de Pádua em entrevista para Record TV em 2014Reprodução TV Record

Em setembro, foi revelado que a HBO Max prepara série documental de cinco episódios sobre o caso da atriz Daniella Perez, que foi assassinada em 1992.

A estreia está prevista para 2022. De acordo com a colunista Monica Bergamo, da Folha de S. Paulo, a obra terá depoimentos da mãe da atriz, a autora Gloria Perez, de membros da família e de amigos.

Porém, ao saber disso, Guilherme de Pádua, condenado pelo crime ocorrido com a atriz, deletou seu perfil no Instagram, que contava com 40 mil seguidores, mantendo apenas um perfil privado de 600 seguidores.

Vale ressaltar que ele, que é atualmente pastor de uma igreja evangélica em Minas Gerais, deixou de publicar vídeos em seu canal no Youtube há dois anos, na qual ele mostrava detalhes de sua conversão religiosa.

Veja+: Vem saber quem estará na série sobre filha de Glória Perez

RELEMBRE O CRIME BRUTAL

Daniella Perez foi assassinada por Guilherme de Pádua, com quem fazia par romântico na novela “De Corpo e Alma”, de autoria de sua mãe, e por Paula Thomaz, mulher do ator. Segundo o processo, a motivação foi o fato de ele acreditar que seu papel na novela, escrita por Gloria, estava diminuindo.

Daniella tinha 22 anos e foi morta a golpes de tesoura no dia 28 de dezembro de 1992. Após as gravações da trama, por volta das 21h, os artistas, saíram juntos dos estúdios, sendo abordados por fãs que lhes pediram foto. Logo depois, seguiram caminhos diferentes, Guilherme saiu na frente em seu carro, um Santana, acompanhado de sua esposa Paula, e, logo atrás vinha Daniella, em um Escort.

No meio do trajeto, repentinamente, Guilherme parou no acostamento da via, esperando avistar o carro de Daniella Perez, haja vista que, supostamente, teria um assunto para tratar com ela.

Após alguns minutos de espera, identificou o carro de Daniella, percebendo que ela estava parando em um posto de gasolina para abastecer. Nesse momento, Guilherme a trancou com seu carro, impossibilitando a atriz de sair com seu veículo, razão pela qual ambos desceram de seus automóveis.

Assim, reconhecendo que era seu colega de profissão, Daniella foi ao seu encontro para entender o que estava acontecendo, oportunidade na qual o ator se aproximou e desferiu um soco em seu rosto, que lhe causou um desmaio instantâneo.

Com a vítima desmaiada, Guilherme a deitou no banco de trás de seu carro e sua esposa, Paula, conduziu o veículo em direção a um matagal localizado na rua Cândido Portinari na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, enquanto Guilherme a seguiu, rumo ao local combinado, dirigindo o carro de Daniella Perez.

Ao estacionarem os carros, o casal levou Daniella, ainda desmaiada, para dentro do matagal e lá desferiram contra a jovem perfurações no pescoço (quatro), no peito (oito), pulmões (seis), além de perfurações em outros locais não vitais.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
Diretor de ‘Round 6’ fala sobre segurança no set após tragédia de Alex Baldwin
Tadeu Schmidt se despede do ‘Fantástico’ e cai no choro
Manu Gavassi ganha EMA como melhor artista brasileira
Adele fala sobre excesso de bebidas e do divórcio: ‘Não estava feliz’
A Fazenda 13: Dynho Alves está imune na dinâmica da Roça

Raphael Araujo Barboza é formado em Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. OFuxico foi o primeiro lugar em que começou a trabalhar. Diariamente faz um pouco de tudo, mas tem como assuntos favoritos Super-Heróis e demais assuntos da Cultura Pop (séries, filmes, músicas) e tudo que envolva a Comunidade LGBTQIA+.


×