Famosos prestigiam pré-estreia de ‘Babilônia’. Fotos!

Por - 11/01/23 às 11:08

Famosos na pré de BabilôniaFamosos prestigiam pré-estreia de filme com Brad Pitt e Margot Robbie(Adriano Ishibashi/Brazil News)

A noite no Rio de Janeiro foi marcada por pré-estreias e uma delas é a de “Babilônia”, filme com Margot Robbie e Brad Pitt. Por lá estiveram Rafael Sieg, Juan Paiva e um dos autores do thriller policial “Bom Dia Verônica”, Raphael Montes. O filme se passa em 1920 em Hollywood e é no momento que os filmes passam a ser falados, saindo do cinema mudo. Com a inovação tecnológica, alguns passaram a fazer sucesso, e outros nem tanto, trazendo o conflito entre as gerações.

Confira:

BASTIDORES

Brad Pitt e Margot Robbie protagonizam o filme “Babilônia“, do diretor Damien Chazelle, que estreia em janeiro no Brasil, e em uma nova entrevista a atriz fez uma revelação e tanto, que levantou até uma discussão na web sobre assédio e abuso. Margot conta que, embora não havia cena de beijo entre ela e Pitt no longa, a atriz improvisou e tascou um beijaço no astro de Hollywood.

Leia+: Angelina Jolie critica processo de Brad Pitt: ‘Frívolo e malicioso’

Ela afirmou ao programa E!News que decidiu beijar o ator de 59 anos porque ‘quando teria novamente uma oportunidade de beijar’ Brad Pitt na boca.

“Isso não estava no roteiro, mas eu pensei: ‘Quando mais eu vou ter a chance de beijar Brad Pitt?”, comentou.

A dupla esteve anteriormente em “Era uma vez … em Hollywood”, de Quentin Tarantino, mas nunca atuaram juntos antes de “Babilônia”.

Margot relembrou: “Eu disse: ‘Damien, acho que Nellie iria simplesmente subir e beijar Jack’. E Damien disse: ‘Bem, ela poderia – espere, espere. Você só quer beijar Brad Pitt’… E eu fiquei tipo: ‘Ah, então me processe. Essa oportunidade pode nunca mais aparecer’. E ele disse: ‘Funciona para o personagem’, e eu fiquei tipo: ‘Acho que sim’.”, afirmou.

Beijar Brad ‘foi simplesmente ótimo’, disse ela, e embora a primeira tomada tenha corrido bem, o diretor pediu outro: “Ele disse ‘Não, faça de novo. Isso realmente funciona’. Eu fiquei tipo: ‘Oh, ótimo.’”, confessou a atriz.

Leia+: Brad Pitt está saindo com influencer

A confissão sincera de Margot levou a debates online sobre como a questão seria recebida se a situação fosse invertida, ou seja, se Brad tivesse provocado o beijo, o que certamente envolveria o movimento #MeToo de assédio em Hollywood.

Após a revelação de Robbie, o programa “Entertainment Tonight” questionou o ator sobre a cena e ele está ‘relaxado’ sobre o assunto:

“Sempre há espaço para a interpretação do personagem.”, justificou. “Acredite em mim, essa é a coisa mais tranquila que ela faz no filme… Ela está pegando fogo nisso. É o melhor que já vi.”, elogiou sobre o filme que aborda os tempos loucos e perversos do cinema nos anos 1920.

CENA QUENTE COM LEONARDO DICAPRIO

Margot Robbie fez recentemente umas declarações interessantes sobre sua carreira, como por exemplo, que foi apenas em “Eu, Tonya”, que lhe rendeu uma indicação de Melhor Atriz no Oscar de 2018, que a musa disse ter acreditado que atuava bem.

Aliás, outro projeto marcante de Robbie foi “O Lobo de Wall Street”, em que ela atuou ao lado de Leonardo DiCaprio, e revelou ter ficado bêbada de tequila para filmar nua ao lado do astro. “Não vou mentir, tomei algumas doses de tequila antes daquela cena porque estava nervosa – muito, muito nervosa”.

Leia+: Margot Robbie e Cara Delevingne entram em polêmica com paparazzo

“Sinceramente, sei que parece bobo agora, sabendo o quão grande o longa se tornou, na época pensei: ‘Ninguém vai me notar neste filme.’ Meio que não importa o que eu faço nele, porque todo mundo vai se concentrar em Leo e tudo mais. E eu estava tipo: ‘Vou passar despercebida’”, contou.

AMIZADE COM CARA DELEVINGNE

Meses depois de ser vista, supostamente chorando ao sair da casa de Cara DelevingneMargot Robbie esclareceu a situação em sua nova entrevista à revista “Vanity Fair”. Na época, Cara havia sido filmada com um comportamento errático, andando descalça em um aeroporto, e por isso a imprensa começou a especular que ela não estava bem de saúde.

Agora Robbie explicou o que realmente aconteceu na tarde em que foi fotografada ‘chorando’, e revela que as notícias deixaram até sua mãe preocupada. “Eu não estava na casa de Cara, estava do lado de fora de um Airbnb que eu estava alugando há cinco dias”, justificou.

“E eu não estava chorando, eu tinha algo no olho. Eu estava tentando pegar minha máscara, estava segurando minha xícara de café e não conseguia tirar um fio de cabelo do meu olho”, afirmou, acrescentando que não havia visitado Delevingne. Mas a atriz não deu maiores detalhes sobre a amiga, e nem sobre sua saúde.

Depois de Cara Delevingne ser vista com um comportamento bastante errático, causando preocupação na imprensa e nos fãs, a atriz e amiga de Cara, Margot Robbie, foi vista deixando a casa da modelo em West Hollywood, e parecia visivelmente triste. Margot saiu da casa com um semblante bem preocupado, o que levantou suspeitas de que a modelo pode estar passando por alguma crise de saúde.

Horas mais tarde, a estrela de “Barbie”, de 32 anos, parecia enxugar as lágrimas por volta das 17h enquanto seguia a caminho do Aeroporto Internacional de Los Angeles. As fotos foram publicadas pelo jornal Daily Mail na quarta-feira. A irmã do modelo, Poppy Delevingne, também teria sido vista na propriedade por volta das 11h.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Em formação no Jornalismo pela UMESP. Escreve sobre cultura pop, filmes, games, música, eventos e reality shows. Me encontre por aí nas redes: @eumuriloorocha


×