João Velho chora muito no velório do pai, Paulo César Pereio

Por - 14/05/24 às 11:45

João Velho, de camisa estampada, chega ao velório do paiJoão Velho chegou ao velório aos prantos - Foto: Daniel Pinheiro/BrazilNews

Inconsolável, João Velho, um dos quatro filhos de Paulo César Pereio, chegou ao velório do pai na manhã desta segunda-feira, 14 de maio. O corpo do artista, que morreu aos 83 anos no último domingo, 12, está sendo velado no cinema Estação NET Rio, em Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro.

Receba as notícias de OFuxico no seu celular!

Além de João, Tomás Velho, também filho do falecido Pereio e Cissa Guimarães, esteve no velório do artista. Ambos receberam os pêsames de amigos e familiares. Além disso, os dois se emocionaram muito diante do caixão.

Um dos grandes nomes do cinema do cinema nacional, Paulo César Pereio teve a carreira reverenciada no velório através de fotos de cartazes de filmes estrelados por ele. Além disso, muitas coroas estavam em volta do caixão.

O que aconteceu com o pai de Joao Velho

Paulo César Pereio morreu aos 83 anos, no domingo, 12 de maio. Ele estava internado no Hospital Casa Saúde Casa São Bernardo, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. O ator havia dado entrada na madrugada anterior, em estado grave. Desse modo, Pereio começou a receber tratamento para uma doença hepática avançada.

Casado três vezes, Paulo César Pereio teve quatro filhos, sendo dois deles com Cissa Guimarães. A atriz e apresentadora prestou homenagem a ele.

“Eu era uma menina e você me mostrou o mundo e o amor pelo nosso ofício. Fizemos filhos e história, meu amor, e agora temos nossos netos lindos para continuar nosso amor, que será sempre eterno!”, escreveu Cissa, primeiramente.

Em seguida, ela e declarou ao ex: “Te amo e te reverencio imenso! Obrigada pelos nossos sagrados filhos, obrigada, obrigada, obrigada! Vai na luz meu companheiro, com todo meu amor! Salve Paulo César Peréio!”, completou Cissa, por fim.

João Velho, ator e filho do ex-casal, também expressou sua gratidão e tristeza: “Morre com ele um pouco da história do cinema, da nossa cultura. É um dia de tristeza, mas também de celebração, pois meu pai sempre viveu a vida com muita intensidade.”

Tags: ,

É jornalista formada pela Universidade Gama Filho e pós-graduada em Jornalismo Cultural e Assessoria de Imprensa pela Estácio de Sá. Ela é nosso braço firme no Rio de Janeiro e integra a equipe de OFuxico desde 2003. @flaviacirino


×