Morre Abílio Diniz, aos 87 anos; velório será no estádio do Morumbi

Por - 19/02/24 às 08:49

Abílio DinizAbílio Diniz - Reprodução/Instagram

Morreu o empresário Abílio Diniz, aos 87 anos, neste domingo (18). A notícia foi divulgada pela família do empresário, no Instagram, na noite deste domingo (18). A causa foi insuficiência respiratória por conta de uma pneumonite.

“É com extremo pesar que a família Diniz informa o falecimento de Abílio Diniz aos 87 anos neste domingo, 18 de fevereiro de 2024, vítima de insuficiência respiratória em função de uma pneumonite. O empresário deixa cinco filhos, esposa, netos e bisnetos, e irá ao encontro do seu filho João Paulo, falecido em 2022. Desde já, a família agradece a todas as mensagens de apoio e carinho”, dizia a nota.

Morre a filha de Lima Duarte, aos 49 anos. Ator fala de sua dor nas redes sociais

Velório de Abílio Diniz

Em comunicado, a família do empresário informou que seu corpo será velado no Estádio do Morumbi, em São Paulo, assim como a cerimônia será aberta ao público.

“Queridos amigos e amigas, é com profunda tristeza que comunicamos o falecimento do nosso querido Abílio Diniz neste domingo, 18 de fevereiro de 2024, vítima de insuficiência respiratória em função de uma pneumonite. Abilio sempre valorizou muito a conversa com vocês nas redes sociais e o enorme carinho que recebeu ao longo dos anos ao compartilhar sua trajetória, seus aprendizados e um pouco de sua rotina”, começava o anúncio.

Morre humorista Paulo Diógenes, intérprete da ‘Raimundinha’

“Para aqueles que desejarem prestar suas homenagens, o velório será aberto ao público nesta segunda-feira, 19 de fevereiro de 2024, das 11h às 15h, no Salão Nobre do Estádio do Morumbi, do São Paulo Futebol Clube, seu time de coração. O acesso de veículos (valet) será pela Av. Jules Rimet – Portão 4. Já o acesso de pedestres será pela Av. Giovanni Gronchi – Portão 17. O enterro será reservado aos familiares”, também dizia.

“Desde já, a família agradece as mensagens de apoio e carinho. Que o encontro de Abilio com Deus, que ele sempre considerou seu “amigão”, seja de muito amor e que ele possa encontrar a paz eterna ao lado de seu filho João Paulo, sua mãe Floripes e seu pai Valentim. Time Abilio Diniz”

Lucilia Diniz se despediu do irmão

Lucilia Diniz, irmã de Abílio, também deixou uma “carta aberta” falando da morte do irmão, assim como enalteceu as qualidades dele.

“Hoje o inacreditável aconteceu: o Abílio nos deixou. Perco meu irmão mais velho, meu primeiro mentor, meu ex-sócio aguerrido e, sobretudo, um dos meus amigos mais queridos. Falo em inacreditável por não conhecer ninguém que tenha dedicado tanta energia quanto ele ao bem viver, fosse em busca de saúde, conhecimento, alegria ou prosperidade. Vi meus pais passarem dos 94 anos. Tinha certeza que veria meu irmão centenário, mantendo a lucidez e a energia que sempre lhe foram típicas. Para o Abílio, longevidade nunca foi sobre viver mais e, sim, sobre manter a jovialidade”, começou Lucilia.

“Ninguém se reinventou tanto quanto ele. Foi praticante de artes marciais, futebolista amador, administrador de empresas, estudante em Michigan, Ohio e Columbia, piloto de corrida, comerciante, empresário varejista, gestor público e, mais recentemente, industrial, financista, investidor anjo, benfeitor e, sobretudo, pai por seis vezes: do Miguel, aos 73 anos. Sobreviveu a inúmeras crises econômicas, ao cativeiro de algozes e à perda de um filho. Na verdade, não sobreviveu e, sim, viveu de peito aberto tudo isso. Foi um mestre em extrair lições dos desafios que a vida impõe”, acrescentou.

Lucilia ainda afirmou que Abílio deixa um legado de obstinação, geração de empregos e riqueza e que vai faltar um olhar de um “menino curioso” no mundo empresarial.

“Abílio nos deixa. Deixa também um legado de obstinação, geração de empregos e riqueza. Deixa ainda seu exemplo, que inspira seus filhos, sobrinhos e netos a seguirem empreendendo e acreditando neste país. E como fará falta seu olhar de menino curioso, sempre pronto para extrair conhecimento e aprendizado de cada encontro que teve na vida.”

“Abílio foi gigante e, também, um homem de fé. E, como tal, tenho fé de que logo ele estará ao lado de nossos pais e aos abraços com seu filho João Paulo. Esta é a imagem que quero manter dele até o dia que nos encontrarmos novamente. Descanse em paz, irmão querido”, finalizou.

Formado desde 2010, já passou pelas editorias de esporte e entretenimento em outros veículos do país e atualmente está no OFuxico. Produz matérias, reportagens, coberturas de eventos, apresenta lives e ainda faz vídeos curtos para as redes sociais


×