Notícias às 00:00

Kris Jenner fica sem sexo para ajudar Kourtney com pesquisa

Reprodução/Instagram

Com o propósito de fazer uma pesquisa para seu site de estilo de vida Poosh, Kourtney Kardashian pediu à mãe Kris Jenner e o namorado dela Corey Gamble, que ficassem duas semanas sem sexo. A matriarca da família, de 65 anos e seu namorado de 40 concordaram em desistir da intimidade por quinze dias para ajudar Kourtney em sua investigação. 

Mas quando ela fez o pedido, o padrasto não ficou muito impressionado e desaprovou o experimento, como foi mostrado no episódio mais recente do reality da família, 'Keeping up with the Kardashians'. 

"Oh senhor, tem certeza de que estou na conversa certa?", comentou. Mas Kourtney explicou: "As pessoas fazem isso porque querem mais energia, um foco mental mais forte, um relacionamento mais próximo com o parceiro.", sugeriu. 

Quando Kris perguntou: "Mais energia por não ter um orgasmo?", Kourtney respondeu: "Ao se abster de orgasmos, as pessoas costumam ter orgasmos simplesmente assistindo ao pôr do sol" e Corey brincou: "Que tipo de esquisitão é esse?". 

Corey originalmente lutou com o experimento do celibato, mas Kris o encorajou a continuar. 

Ela disse: "Estamos fazendo isso por Poosh. Se não fizermos sexo, vamos ser mais inteligentes. Você precisa se concentrar – é disso que se trata." 

Corey respondeu: "Estou sempre focado no seu traseiro", brincou. 

Embora Kris admitisse que não teria se tornado celibatária se não fosse por Kourtney, ela achou o experimento 'interessante'. 

"Eu provavelmente nunca teria tentado algumas das coisas que Kourtney sugere, se não fosse pelo que estamos aqui. Mas é interessante." , afirmou.

  

Fim do programa

Kris Jenner é a mente e o coração por trás de cada projeto de sua família. Uma visionária, segundo Kim Kardashian. E agora, depois de 20 temporadas do programa que fez sua família criar um império, Keeping Up With the Kardashians, ela está dizendo adeus a esse formato, e contou à revista WSJ que terminar o reality show foi a decisão de negócios mais difícil que ela já teve que tomar. 

"Depois de 20 temporadas de Keeping Up With the Kardashians, terminamos. Foi uma decisão muito difícil de tomar, muito difícil e muito triste", disse. 

E falando do que ela mais sentirá falta, Kris comentou: “Bem, acho que vamos sentir falta da nossa equipe. Nossa equipe esteve conosco desde o primeiro dia, temporada um, episódio um… Foram quase 14 anos e meio de filmagens com as mesmas pessoas… Sentiremos muito a falta deles.”, confessou. 

Mas, apesar de encerrar esse ciclo na televisão, Kris também revelou que sente falta de ter 'privacidade' em sua vida, pois fazer o programa por 14 anos limitou sua capacidade de 'escolher' quando ela precisava de tempo para ela, longe das câmeras. 

"Eu acho que ter privacidade… você se abre e abre toda a sua vida para os outros, e assim se torna algo que … você sabe no que está se metendo, mas definitivamente limita a capacidade de escolher quando precisa de privacidade. ”, justificou. 

Jenner admite também que passou grande parte de sua carreira tentando 'agradar as pessoas'. 

"Eu gostaria de ter aprendido que não há problema em dizer não e que você não precisa agradar todo mundo. Porque eu sempre agradava as pessoas e queria que todos fossem felizes. E às vezes isso acontece às custas do que você realmente deseja fazer se estiver sempre preocupado com os outros”, contou.

Kris Jenner fala pela primeira vez do divórcio de Kim Kardashian e Kanye West
Britney Spears se emociona com o apoio dos fãs