Luana Piovani lembra agressão de Dado Dolabella: ‘Faziam chacota’

Por - 25/05/23 às 22:30 - Última Atualização: 26 maio 2023

Luana PiovaniFoto: Reprodução/Youtube

Luana Piovani não deixa assuntos delicados passarem despercebidos. Convidada do “Acessíveis Podcast”, apresentado por Mari Moon e Titi Müller, a atriz narrou detalhes do que sofreu após denunciar uma agressão sofrida na relação com Dado Dolabella, entre 2006 e 2008, que levou o ator a ser condenado pela Lei Maria da Penha, em 2014.

Leia+: Cassia Linhares diz que Piovani “roubou” Rodrigo Santoro dela

Na conversa, falou sobre a repercussão do caso. De acordo com ela, o fundo do poço da situação foi a falta de apoio do público e até de colegas. As coisas seriam diferentes se acontecesse

“Eu fui agredida numa época que não tinha rede social, hashtag, close, post falando ‘Mexeu com uma, mexeu com todas’. Eu fui espizinhada pela mídia e pelas pessoas. Eu só tive o apoio dos meus amigos mais próximos e da minha família. As pessoas faziam chacota com o que eu tinha vivido”, afirmou.

Leia+: “Frustração”, desabafa Luana Piovani sobre processo contra Scooby

A artista, que vive em Portugal atualmente, lembrou que tinha um contrato com a Globo para cumprir. Fazer o trabalho foi um martírio, principalmente porque a própria equipe do programa tentou censurá-la.

“Eu tinha fechado um trabalho com a Rede Globo antes disso acontecer. E eu sou muito ética. Eu falei ‘eles não tem nada a ver com essa cagada. Eu vou fazer esse trabalho’. Foi a pior coisa que eu fiz, porque eu entrei, uma filha da p*** de uma produtora quis se fazer em cima da minha dor”, afirmou.

Leia+: Saiba o que é “violência processual”, sofrida por Luana Piovani

Ela lembrou um momento em que um dos diretores com quem trabalhava a aconselhou a pedir desculpas por tudo o que havia acontecido.

“Eu, se fosse você, eu pedia desculpas, porque isso está muito confuso e não vai ser bom pra você. As pessoas já falam muito. Não precisa”, revelou. A resposta da atriz veio com o tom cortado que deveria ser: “Eu imagino como sou bem considerada pelo senhor, eu agradeço demais, mas eu quero dizer que quem me deve desculpas são vocês”.

Por fim, a atriz contou ainda como se sentia emocionalmente naquele momento. “Eu estava tão mal, porque pior que a situação que eu vivi foi a repercussão na sociedade. Eu não conseguia ter nenhum tipo de atitude que me ajudasse. Eu cumpria aquilo que tinha me comprometido a fazer. Eu chegava no estúdio, sentava, me maquiava e ficava ali esperando até que alguém me chamasse”, comentou.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!


×