Garota se livra de assalto por ser fã do BTS. Entenda o caso!

Por - 19/07/23 às 16:30

Jin, do BTS, cumprindo serviço militarFotos: Reprodução; Divulgação/Weverse

Uma jovem de 21 anos escapou de um assalto em Curitiba, no Paraná, por ser fã do grupo de K-pop BTS. A garota foi abordada pelo assaltante enquanto aguardava no ônibus, mas ele desistiu da ação quando viu na capa do celular uma foto de Jin, cantor do grupo musical que está alistado no exército da Coréia do Sul.

No início do mês, Natali Victoria Ramos Reis estava saindo do curso noturno que faz em São José dos Pinhais quando foi abordada. Por sorte, ela carregava uma foto do ídolo vestido com a farda militar, o que provavelmente assustou o bandido.

“Quando ele conseguiu pegar o celular da minha mão, ele virou o aparelho e ficou olhando pra minha capinha onde tem a foto. Ele deve ter pensado: ‘O namorado dela é militar, não vou roubar’”, contou ela em entrevista ao RIC Mais. Em seguida, a jovem disse que o assaltante devolveu o aparelho e saiu correndo. 

ALISTAMENTOS NO BTS

Para os integrantes do BTS só existe uma certeza: todos terão que passar pelo alistamento militar sul coreano. Apenas dois ídolos estão cumprindo, por enquanto, o serviço obrigatório segundo a lei do país: Jin e J-Hope. Os próximos da lista são RM, Suga, Jimin, V e Jungkook, que seguem lançando projetos solos e individuais.

As fontes do site sul coreano Sports Chosun conversaram com autoridades e deram uma nova previsão para todos os cantores estarem servindo uma base militar: final de 2023. E sempre vale ressaltar que a BigHit Music, a agência do grupo, acabou confirmando que espera que em 2025 o aguardado comeback seja retomado. O tempo mínimo para cumprimento é de 18 meses.

O sucesso global do BTS concedeu uma lei especial, que adia o serviço até no máximo os 30 anos, 2 anos a mais que o comum. A lei foi aprovada em 2020 e é chamada carinhosamente de “Lei BTS”.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Tags:


×