Caetano Veloso pede indenização de R$ 1,3 milhão à marca Osklen por Uso Indevido de Imagem

Por - 05/12/23 às 06:45

Caetano Veloso pede indenização de R$ 1,3 milhão à marca Osklen por Uso Indevido de ImagemFoto Andy Santana / Brazil News

Caetano Veloso acionou a Justiça do Rio de Janeiro contra a marca de roupas Osklen e seu proprietário, Oskar Metsavaht. O artista alega que a marca utilizou sua imagem e referências ao movimento Tropicalismo sem autorização em uma campanha publicitária da coleção Verão 2024, intitulada “Brazilian Soul”.

A marca foi notificada extrajudicialmente pelo artista em agosto e a notícia foi dada pelo jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

Reivindicações de Caetano Veloso

Os advogados de Caetano Veloso apresentaram uma série de pedidos na ação. Inicialmente, solicitam uma liminar para que a Osklen retire de circulação quaisquer produtos que remetam ao músico e ao Tropicalismo. Também requerem a remoção de publicações que associem o artista e o movimento à marca.

Busca por Reparação Financeira

Na esfera financeira, a equipe legal do músico exige danos morais de R$ 300 mil, além de danos materiais no valor de R$ 1 milhão, totalizando uma indenização de R$ 1,3 milhão. Os responsáveis pela marca Osklen são os alvos destas reivindicações.

O Caso na Justiça

O processo está em andamento na 29ª Vara Cível da Comarca da Capital, no Rio de Janeiro. Este caso destaca a importância dos direitos de imagem e marca, especialmente no contexto das campanhas publicitárias e da indústria da moda.

---

Idealizadora do site OFuxico, em 2000 segue como CEO e Diretora de Conteúdo do site. Formada em jornalismo pela Faculdade Casper Líbero, desde os anos 1980 trabalha na área do jornalismo de entretenimento. Apaixonada por novelas, séries, reality, cinema e estilo de vida dos famosos.


×