PF Investiga Envolvimento de Alexandre Pires em Garimpo Ilegal. Entenda!

Por - 05/12/23 às 06:30

PF Investiga Envolvimento de Alexandre Pires em Garimpo Ilegal. Entenda!Foto Cláudio Augusto/Brazilnews

O cantor Alexandre Pires foi alvo de um mandado de busca e apreensão pela Polícia Federal nesta segunda-feira, 4 de dezembro. A ação faz parte de uma investigação que visa desmantelar um esquema de financiamento ao garimpo ilegal na Terra Indígena Ianomâmi. Segundo o inquérito, o artista teria recebido aproximadamente R$ 1 milhão de uma mineradora sob investigação. Matheus Possebon, empresário do artista foi preso ao desembarcar no porto de Santos.

Mãe de Eduardo Costa tem casa assaltada

“Foram identificadas transações financeiras que relacionariam toda a cadeia produtiva do esquema, com a presença de pilotos de aeronaves, postos de combustíveis, lojas de máquinas e equipamentos para mineração e laranjas para encobrir movimentações fraudulentas”

Diligências em Cruzeiro

A operação ocorreu em um cruzeiro onde Pires, 47 anos, estava se apresentando, no litoral de Santos. A informação, inicialmente veiculada pelo portal Metrópoles, foi posteriormente confirmada por O Globo. A assessoria do músico, até o momento, não respondeu aos contatos para esclarecimentos. Seguimos aguardando a manifestação do artista ou de sua equipe.

Antony, da Seleção, abre o jogo sobre acusação de agressão da ex-namorada

Detalhes do Esquema Investigado

A Polícia Federal informou que o esquema envolveria a “lavagem” de cassiterita, extraída ilegalmente de terras indígenas. A suspeita é de que o minério seria falsamente declarado como proveniente de um garimpo regular no Rio Tapajós, em Itaituba/PA, e transportado para Roraima para tratamento. Contudo, investigações apontam que o minério seria originário do próprio estado de Roraima.

Alexandre de Correa nega agressão a Ana Hickmann para Polícia

Estrutura e Sequestro de Ativos

“Foram identificadas transações financeiras que relacionariam toda a cadeia produtiva do esquema, com a presença de pilotos de aeronaves, postos de combustíveis, lojas de máquinas e equipamentos para mineração e laranjas para encobrir movimentações fraudulentas”, relatou a PF. Além disso, foi determinado o sequestro de mais de R$ 130 milhões dos suspeitos.

Ex-ator mirim da Globo, baleado, tem caso investigado pela Polícia

Operação Disco de Ouro

A operação chamada de Disco de Ouro é um desdobramento de uma ação da PF deflagrada em janeiro de 2022. Na ocasião, 30 toneladas de cassiterita extraídas da Terra Ianomâmi foram apreendidas e preparadas para remessa ao exterior. Dois mandados de prisão e seis de busca e apreensão foram cumpridos em diversas cidades, incluindo Boa Vista e Mucajaí (Roraima), São Paulo e Santos (São Paulo), Santarém (Pará), Uberlândia (Minas Gerais) e Itapema (Santa Catarina).

Entre para a comunidade OFuxico no WhatsApp

As investigações da Polícia Federal continuam em andamento, buscando esclarecer todas as nuances deste complexo esquema de garimpo ilegal e suas conexões.

Idealizadora do site OFuxico, em 2000 segue como CEO e Diretora de Conteúdo do site. Formada em jornalismo pela Faculdade Casper Líbero, desde os anos 1980 trabalha na área do jornalismo de entretenimento. Apaixonada por novelas, séries, reality, cinema e estilo de vida dos famosos.


×