BBB24: Vinicius tem decepção, mas ‘bate o pé’ em erro contra Davi

Por - 24/01/24 - Última Atualização: 4 março 2024

Vinícius Rodrigues passeia por suas polêmicas (Reprodução/Globo)

Vinicius Rodrigues foi o quinto eliminado do “BBB24” e deu uma paradinha obrigatória no “Café com o Eliminado”, junto de Ana Maria Braga no “Mais Você”. O atleta paralímpico teve 9,92% dos votos e não sobreviveu a uma disputa quíntupla, inédita no reality. Ele marcou a temporada com inclusão, algumas polêmicas e foi o primeiro Camarote a ser eliminado.

Antes do início do “Mais Você”, Luziane, a mãe dele, contou que a eliminação do atleta foi muito por conta do fator do grupo que estava incluso e do momento polêmico das falas contra Yasmin Brunet:

“De fato, acredito que ele estava no grupo errado. A fala que ele teve foi algo que soou errado aqui fora. Ele realmente não deveria estar lá naquele momento. Ele pediu perdão, algumas vezes. Muitas pessoas falaram coisas erradas, mas passaram um pano. Só quem conhece a essência dele sabe, ele conquistou muito mais o coração”, contou

Trajetória intensa

Vinicius contou que teve que manter suas emoções contidas e bloqueadas, como a sua profissão pede, explicando o motivo disto ser necessário e exaltou seu jogo:

“É mais de não sentir, tenho um momento de 12 segundo, eu tenho que bloquear que só eu, comigo, não posso lembrar de nada e ser bem frio. Mas, fazer isso com 20 e tantas pessoas é mais difícil. Senti emoções que não sentia há muito tempo na minha vida. Tentei ser articulado, não ser uma planta. A gente não vem com um manual. Sai feliz pelo que fiz”.

Ao ver seus votos, que o levou para o Paredão,

“Surpresa para mim foi a Leidy. Ela protegeu o Marcus. A Deniziane foi a grande surpresa, a gente se distanciou pelo jogo, quartos. Eu acho que foi baseado nisto e elas conheceriam outro Vini se estivessem comigo, no mesmo quarto”.

Vinicius ressaltou o momento que não foi para a Xepa em nenhum momento do game e colocou a ‘culpa’ em suas amizades:

“Fiz amizades certas e estava aproveitando a fase boa, porque quando esse pessoal pegasse a liderança, eu sabia que minha hora ia chegar”.

Tretas e mais tretas!

Contra Marcus Vinícius, no Sincerão, os dois tiveram um atrito justamente por seus comentários e brincadeiras de estar sempre no VIP.

“Eu mantenho esse pensamento. Esses fiapos que saíram na cozinha, eu sabia quem estava do lado. Eu não vou colocar quem queria me colocar no Paredão, quem não joga comigo no VIP”.

O atleta paralímpico ressaltou o momento e afirmou que comemorou, pois é a única vitória que ele estava tendo ali no game, já que não ganhou provas e ia para o VIP pelos seus aliados:

“O deboche vem desta questão de falar que meus amigos estão ganhando. Eu tinha que comemorar, é uma alegria poder comer”.

“Davi foi excluído, eu tentei dar uma chance. Essa fala dele me feriu muito, essa segregação de Camarote e Pipoca… Eu acho que todo mundo é igual. Se ele não joga comigo, é meu adversário. Fui coerente na minha fala. Eu tava com vontade de falar, mas mantive minha calma. O silêncio é a melhor fala”.

Sobre a suposta fala do Davi sobre os Camarotes não ganharem, o VAR foi mostrado e esclareceu que ele disse que, se tivesse de fora e fosse público, ele escolheria alguém ‘mais necessitado’ para ganhar, citando uma final hipotética entre Lucas Henrique e Wanessa Camargo, ele escolheria o ‘Buda’. Vinicius declarou:

“É o ponto de vista dele. Mas, ele não sabe a realidade de todo mundo. Eu entrei como um ‘Pipoca Gourmet’, eu sempre me considerei do povo. Essa fala dele me deixa um pouco triste, todo mundo merece. O bom é que teve o VAR para mostrar que a gente não estava imaginando ou inventando coisas”.

De olho no jogo!

Sobre Isabelle, ele viu o momento que começou a investigar o jogo dela e também do sentimento nascendo no coração dele:

“Ela não abria o jogo. Eu tentava proteger, ela não confiava falar de jogo. Quando eu alertei ela de um possível voto, ela se ligou. Eu não sei se ela estava confiando mais em mim ou no Davi. Eu estava conhecendo mais ela, quando ela estava no Monstro. A gente é bem parecido. Eu fiquei muito curioso”.

Ao ver o posicionamento da torcida, ele se decepcionou, mas pediu perdão por suas falas:

“Eu fiquei triste quando vi isso, pois achei que a torcida dela viria para mim. Se eu fui tachado como preconceituoso, peço perdão. Minha intenção, dentro e fora do jogo, era proteger a Isabelle”.

A bendita conversa…

A famigerada conversa no quarto do Líder com Rodriguinho, Nizam, Pizane, ele viu as falas e repudiou, ressaltando que é contra rotular ou falar sobre os corpos alheios:

“Ali, eu acho que estava mais sobre afinidade. Quando chegou no corpo, eu vim num mundo de que corpos, rotular corpos… eu aprendi muito. Todo mundo é lindo. Nessa questão de padrão de corpo sou totalmente desconstruído. Não sou essa cara que rotula, eu aprendi a me amar sem um pedaço do meu corpo”.

Tags: ,,

Em formação no Jornalismo pela UMESP. Escreve sobre cultura pop, filmes, games, música, eventos e reality shows. Me encontre por aí nas redes: @eumuriloorocha