Caso Kayky Brito: Confira todos os detalhes, uma semana após acidente

Por - 09/09/23 às 11:15

Imagem do atroplelamento de Kayky Brito e selfie do atorReprodução/Instagram

Há uma semana, a notícia do atropelamento de Kayky Brito comoveu o país. O ator estava em um bar na orla da Barra da Tijuca e, ao deixar o local, foi atingido por um carro de aplicativo. Uma semana depois, quatro testemunhas foram ouvidas pela polícia e o caso segue sendo investigado. OFuxico reuniu as principais informações do acidente e novas atualizações do caso. 

Atropelamento

O protagonista de diversas novelas, como “Chocolate com Pimenta”, onde foi Bernardo/Bernadete, estava com o amigo Bruno de Luca no quiosque Dona Maria, na altura do Posto 6 da Barra da Tijuca, no último sábado, 2 de setembro. Ao final da noite, o ator saiu sozinho do local e foi atingido por um carro ao atravessar a Avenida Lúcio Costa. 

O carro era dirigido pelo motorista de aplicativo Diones Coelho da Silva, que levava uma passageira e sua filha no momento do atropelamento. Ele tentou desviar do pedestre, mas acabou atingindo-o em cheio. Depois do susto, ele não fugiu e prestou socorro ao ator, que foi inicialmente levado ao CTI (Centro de Terapia Intensiva) do Hospital Miguel Couto, no Rio de Janeiro. Na mesma tarde, ele foi transferido para o hospital particular Copa D’Or. 

O Delegado Ângelo José Lages, da 16ª DP, autuou o responsável pelo veículo por lesão corporal de trânsito. A Polícia Militar encaminhou o motorista para realizar um exame de alcoolemia e foi constatado que o dono do veículo não se encontrava embriagado no momento do acidente.

Uma câmera de segurança flagrou o momento exato do ocorrido. A imagem tem um corte no momento do impacto por se tratar de uma imagem forte, mas é possível perceber que o ator tentou atravessar a rua correndo fora da faixa de pedestre, mas não deu tempo.

A câmera também registrou outro momento em que Kayky escapou de mais um atropelamento, segundos antes de ser atingido pelo carro de Diones. Nas imagens, é possível ver que o ator aponta para o amigo Bruno de Luca, antes de atravessar, e começa a andar. Nesse momento, um carro quase o atinge, mas consegue frear. As imagens são do RJ2, TV Globo.

Politrauma e cirurgia

Kayky foi internado com politrauma corporal, ou seja, muitas lesões graves em seu corpo, e Traumatismo Craniano, decorrente do impacto sofrido com a batida do carro. Ele passou por uma cirurgia de fixação da pelve e do membro superior direito e foi colocado em ventilação mecânica.

O estado dele é considerado grave, apesar de ter apresentado sinais de melhora. Segundo o último boletim divulgado, do dia 8 de setembro, o ator segue intubado e sedado na UTI. O quadro clínico está “sob controle e sem alterações nas últimas 24h”. 

Bruno não socorreu o amigo

O apresentador do Multishow Bruno de Luca prestou depoimento na última quarta-feira, 6 de setembro. O ator disse ainda não saber descrever com clareza de detalhes o que realmente aconteceu, mas que Brito não estava bêbado e que tinha atravessado a rua para pegar um Uber e voltar à casa dos pais, no Recreio dos Bandeirantes.

Bruno teria entrado em desespero ao ver a cena, “uma vez que tem pavor de acidentes”, e disse que não foi ao local por “trauma”. Ele também disse que enviou uma mensagem de texto para o próprio Kayky Brito ao acordar em casa no dia seguinte para comentar do acidente, pois achava que ele também teria presenciado e que alguém tinha morrido. Após não receber resposta do amigo, ele recebeu uma ligação da irmã de Kayky e, segundo ele, somente neste momento soube que a vítima era o seu amigo.

Funcionário do quiosque dá detalhes

Outra testemunha ouvida foi Edvam Martins, funcionário do quiosque onde Kayky estava com Bruno naquela noite. Ele contou que os atores chegaram ao local por volta de meia-noite e meia, pouco antes do acidente ocorrer, e beberam, cada um, três doses de vodka.

Em entrevista da porta da delegacia, Edvam deu mais detalhes do ocorrido. “Estava esperando a conta para ir embora, quando ouvi um barulho. O rapaz do Uber parou e chegou o bombeiro e a polícia. O rapaz do Uber falou que estava na velocidade certa, ele surgiu do nada e ainda tentou tirar. O rapaz disse que estava certo. Mas, ele ficou o tempo todo. Achou que foi uma distração [do Kayky]. Eles brincaram e estavam há pouco tempo lá. Foi uma cena forte. Não consegui trabalhar no domingo. Foi muito triste”, disse ele.

Passageira confirma versão do motorista

Segundo a passageira Maria Estela de Lima, o motorista não estava em alta velocidade no momento do acidente. “Durante a colisão, o meu corpo nem foi tanto para a frente. O motorista estava em uma velocidade tranquila, mas eu estava muito nervosa porque estava com a minha filha”, contou a dentista.

Ela também disse que Diones foi atencioso durante todo o trajeto e “parece ser uma pessoa bem tranquila”. 

Pioneiro no Brasil em cobertura de entretenimento, famosos, televisão e estilo de vida, em 24 anos de história OFuxico segue princípios editoriais norteados por valores que definem a prática do bom jornalismo. Especializado em assuntos do entretenimento, celebridades, televisão, novelas e séries, música, cinema, teatro e artes cênicas em geral, cultura pop, moda, estilo de vida, entre outros.