Vem, Serena! MC Mirella inicia a indução ao parto. Entenda!

Por - 25/12/23 às 23:53

MC Mirella na banheira pronta para dar à luz e Dynho Alves ao ladoMC Mirella e Dynho Alves agora curtem a filha, Serena - Foto: Reprodução/Instagram @dynho.blaze

Não adiantou a mãe ter dado “ordem de despejo” para a filha antes do Natal. Serena já mostra sua personalidade forte e deve nascer na terça-feira, 26 de Dezembro.

Receba as notícias de OFuxico no seu celular

No início da noite anterior, MC Mirella mostrou sua ida para a maternidade, acompanhada pelo marido, Dynho Alves. A cantora de 25 anos optou pelo parto através de indução, o que pode demorar até 24 horas.

“Vamos para a indução. Torçam por mim”, escreveu ela.

Animada, a artista gravou um vídeo dançando com o marido, ambos já vestidos com os trajes de hospital. Apesar da ansiedade para a chegada de Serena, os pais da bebê deram um tom pra lá de descontraído e alto astral ao momento.

Dynho ainda compartilhou um clique na banheira do hospital com a cantora, que mexia no telefone, tranquila e calma.

“Já começou o processo aqui. Vai ser parto normal. A gente está induzindo”, afirmou a mamãe de primeira viagem.

Entenda a indução ao parto

O parto induzido é a estimulação artificial das contrações uterinas antes de seu início espontâneo. Determinados métodos (medicamentosos ou não) são utilizados pelos profissionais de saúde para fazer com que o trabalho de parto tenha início.

Viciados em sexo? MC Mirella abre o jogo sobre ela e Dynho Alves

A indução do trabalho de parto é recomendada quando algo na saúde do bebê ou da mulher inspira preocupação, e o trabalho de parto não começou espontaneamente.

De acordo com o Ministério da Saúde, a indução é uma prática aceitável e recomendável quando há indicação. Induzir o trabalho de parto pode evitar resultados desfavoráveis para a mãe ou o bebê, além de uma cesárea desnecessária e suas possíveis consequências.

No Brasil, o Ministério da Saúde indica que a indução do parto seja feita após a 41ª semana de gestação, com a concordância da mulher.

Outros motivos para realizar a indução do parto é o oligoâmnio, ou seja, diminuição da quantidade de líquido amniótico, bolsa rota sem que a mulher tenha entrado em trabalho de parto, hipertensão na gestação ou alguma outra condição que esperar o parto espontâneo traga riscos associados.

Qualquer que seja o motivo, a mulher deve ser informada, esclarecida e concordar com o procedimento.

Tags:

É jornalista formada pela Universidade Gama Filho e pós-graduada em Jornalismo Cultural e Assessoria de Imprensa pela Estácio de Sá. Ela é nosso braço firme no Rio de Janeiro e integra a equipe de OFuxico desde 2003. @flaviacirino


×