Médico é encontrado morto em abrigo no Rio Grande do Sul

Por - 14/05/24 às 14:07

Médico Leandro MediceMédico Leandro Medice - Reprodução/Instagram

O médico cardiologista Leandro Medice, que tinha 41 anos, foi encontrado morto em um abrigo na cidade de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, na manhã de segunda-feira (13). Ele era um dos voluntários que estavam na cidade para ajudar as vítimas das chuvas no estado.

O retorno do profissional ao Espírito Santo, onde morava, seria na própria segunda-feira. Ainda não há uma definição sobre o que causou a morte de Leandro Medice, mas há a suspeita de que ele tenha sofrido um mal súbito.

‘Dois com H1N1, um no hospital’, contabiliza Pedro Scooby após resgates

Antes de morrer, Medice havia publicado um vídeo, onde narrava o que iria fazer e revelando ser sua primeira missão humanitária.

“Ei pessoal! Hoje eu estou fazendo uma coisa diferente. Pela primeira vez, eu vou partir para uma missão humanitária. O Sul está precisando da gente. Então, saí um pouco da minha rotina, do conforto do consultório. A cirurgia acabou agora pouco, a gente já emendou. São 4h da manhã agora. A gente tá indo pra lá ajudar os nossos irmãos que estão precisando. Eu vou tentar passar pra vocês aqui a real situação que está lá até mesmo pra gente conseguir juntar mais forças pra ajudar o pessoal, que está precisando em meio a essa catástrofe no Sul”, começou.

Leilão beneficente com boina de Matteus e quadro de Caramelo ajuda as vítima no Sul

“Assim que eu conseguir, eu mostro tudo que está acontecendo e vamos juntos nessa missão. Conto com a oração de vocês pra gente juntar forças e ajudar o máximo de pessoas que a gente conseguir”, disse na publicação.

Nos comentários, a mãe dele, Andrea Medice, estava feliz com o que o filho estava fazendo.

Luisa Mell fratura duas costelas durante resgates no Sul

“Que lindo!!! Deus os acompanhe e conserve esse amor em seus corações. Esse é um presente que jamais sairá das minhas lembranças. Feliz Dia das Mães para todas nós, mulheres guerreiras que conseguirão vencer mais essa batalha. Deus as abençoe”, disse.

Amanda e Cezar Black se unem em hospital no Rio Grande do Sul

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, comentou sobre a morte do médico cardiologista: “A morte de um voluntário que veio ao Rio Grande do Sul para ajudar no atendimento às vítimas da tragédia nos deixa profundamente entristecidos. Meus sentimentos aos familiares e amigos do Leandro”, escreveu nas redes sociais.

---

Tags: ,

Formado desde 2010, já passou pelas editorias de esporte e entretenimento em outros veículos do país e atualmente está no OFuxico. Produz matérias, reportagens, coberturas de eventos, apresenta lives e ainda faz vídeos curtos para as redes sociais


×