Caitlyn Jenner reage à morte de O.J. Simpson: ‘Boa viagem’

Por - 12/04/24 às 15:08

Caitlyn Jenner, print vídeo no InstagramFoto: Reprodução/Instagram/@caitlynjenner

Caitlyn Jenner, que era amiga de Nicole Brown Simpson, esposa de O.J. Simpson, que foi assassinada em 1994 em sua casa junto com o amigo Ron Goldman, quebrou o silêncio sobre a morte do ex-jogador de futebol americano, morto dia 10 de abril, vítima do câncer de próstata.

Morte de O.J. Simpson pega a imprensa internacional de surpresa

A medalhista olímpica de 74 anos, que sempre duvidou da inocência de O.J. no caso do duplo assassinato, deu uma amarga despedida ao ex-atleta em suas redes sociais: “Boa viagem”.

Caitlyn já estava casada com Kris Jenner, quando seu ex-marido Robert Kardashian foi advogado de defesa de Simpson.

E não foi a primeira vez que ele acusou O.J. das mortes de Nicole e Ron, apesar de que os dois costumavam ser amigos.

Receba as Notícias de OFuxico em seu celular

Na verdade Jenner nunca se esquivou de compartilhar suas opiniões sobre Simpson e sua teoria de que o ex-astro da NFL foi o responsável pelas mortes.

Durante sua participação no reality show britânico “I’m a Celebrity…” de 2021, ela disse que estava convencida de que ele era culpado do duplo homicídio.

O.J. Inocente?

Mais tarde naquele ano, ela disse no programa ‘Big Brother VIP’ da Austrália: “Foi um momento extraordinariamente difícil. Nicole era a melhor amiga de Kris há muito tempo… Eu estava na casa de Nicole dois dias antes do assassinato”, relembrou.

“Obviamente ele fez isso, e se safou, e a certa altura ele até disse a Nicole: ‘Vou matar você e sair impune, porque sou O.J. Simpson”, contou Jenner.

Kris Jenner comenta sobre rumor de caso com O.J. Simpson

“E Nicole contou isso a Kris em determinado momento e, infelizmente, ela estava certa.”

Caitlyn relembrou: “Estávamos no tribunal. Estávamos observando o que estava acontecendo na outra sala, e mesmo depois do veredicto de inocência, a primeira coisa que Kris se virou para mim e disse: ‘Devíamos ter ouvido Nicole. Ela estava certa desde o início.'”

Na época do julgamento de O.J. Simpson mais de 150 milhões de pessoas em todo o mundo ficaram coladas às televisões durante os 11 meses que durou o processo, que terminou em outubro de 1995 com um veredicto de inocência para o ex-atleta.

---

Tags:

Formada em Ciencias de la Comunicación (México), louca por gatos e fascinada com o mundo dos famosos. Feliz de ser parte do OFuxico desde 2000.


×