Xuxa fala da volta ao cinema como Fada

Por - 04/10/23 às 16:00 - Última Atualização: 5 outubro 2023

xuxa meneghel na coletiva de imprensa de uma fada veio me visitarFoto: Reprodução/YoutubeCanal Imagem Filmes

Xuxa Meneghel está a todo vapor divulgando seu mais novo filme, “Uma fada veio me visitar”, uma adaptação para o cinema do livro homônimo de Thalita Rebouças, que também assina o roteiro em parceria com Patrícia Andrade. Dirigido por Vivianne Jundi, com produção da Bronze Filmes, em coprodução da Paramount Pictures e da Rubi Produtora, e distribuição da Imagem Filmes, “Uma Fada Veio Me Visitar”, tem lançamento nacional marcado para o dia 12 de outubro.

O filme marca a volta de Xuxa aos cinemas 14 anos depois de seu último filme, desta vez ao lado da atriz estreante Tontom Périssé, em um filme repleto de encantamento e beleza do mundo das fadas. Na trama, a personagem de Xuxa, Fada Tatu, está adormecida há mais de três décadas como punição por suas trapalhadas, mas, para o caso de Luna (Tontom Périssé), uma adolescente incansável e rebelde, ela é a candidata certa para a missão.

VOLTA DE XUXA ÀS TELONAS

Em coletiva de imprensa sobre o filme, Xuxa esteve presente, assim como Tontom Périssé, Dani Calabresa, Lívia Inhudes, Henrique Camargo, Zezeh Barbosa, Vivianne Jundi, Thalita Rebouças e Patrícia Chamon, dando mais detalhes do longa.

A Rainha dos Baixinhos então comentou sobre sua volta às telonas: “A história. Thalita havia me apresentado há alguns anos, eu fui convidada para ser a Tatu, mas algumas coisas aconteceram e pedi para as roupas serem inspiradas nos anos 1980, e não 1960, como no livro, e a ideia fluiu, mas eu não tinha tempo por conta das gravações”.

“Mas então ela foi diminuindo meu tempo de filmagens para que eu pudesse participar. Tudo foi muito intenso, desde a escolha das personagens, a quantidade, isso é algo que a Thalita faz muito bem, ela se adapta e me ajudou muito, afinal, não sou atriz, mas ela soube me guiar”, garantiu ela

“A Tontom também me ajudou muito, assim como a Vivi, e fui com calma, precisei até de TP, mas foram me auxiliando, teve um envolvimento de carinho e cuidado com todo mundo que participou da produção, e falo por todos os atores e atrizes que fomos muito bem cuidados”, declarou.

“Me encantou primeiro a história, mas depois tudo[…], pode estar explícito, mas vocês não vêm, só quem está envolvido, e já estamos pensando nos próximos”, concluiu Xuxa.

Xuxa Meneghel caracterizada no filme "Uma Fada veio me Visitar"
Foto: Divulgação

ELENCO EXALTOU XUXA

O restante do elenco e equipe de direção e roteiro do longa rasgaram elogios à Xuxa e descreveram a honra de trabalhar com ela. “Eu não acreditei. Ela tem meu contato salvo, a gente se fala! Sempre fui muito fã, e ter a fada da minha vida vivendo a minha fada, a única personagem fantástica que escrevei, me diverti muito escrevendo o que ela diz. Ela diz que não é atriz, mas ela é, talentosa e respeitosa com o texto, e tivemos uma troca muito linda. A Baixinha que mora em mim comemora”, disse Thalita Rebouças.

Tontom Périssé contou: “Eu acho que o maior desafio… eu consegui fazer isso porque minha ficha não caiu durante o processo. Eu tava lá, mas guardava a emoção para depois, ficava muito feliz, gritava. Eu fiz com todo esforço possível, é meu primeiro trabalho, e a parte mais difícil foi tornar uma fada uma coisa orgânica, falar com ela de um jeito natural. Me diverti muito!”.

Henrique Camargo falou no mesmo caminho de sua colega de cena: “Era a mesma situação da Tontom, não surtar, manter o foco e animação controlados. Foi muito incrível, a Xuxa foi uma enorme profissional, sou muito fã dela, minha mãe surtou quando contei. Fizemos Dancing Brasil Jr., foi a segunda vez trabalhando juntos, e certeza que o filme ficou incrível”.

Tontom Périssé, Thalita Rebouças e Xuxa no set de Uma Fada Veio me Visitar
Xuxa foi a sensação dos bastidores (Foto: Divulgação)

ATORES ADULTOS TAMBÉM SE ANIMARAM

Os atores jovens e Thalita não foram os únicos a ficarem felizes em trabalhar em um projeto com Xuxa, pis as atrizes adultas tiveram a mesma emoção, como definiu Dani Calabresa: “Só deu certo porque não tivemos cena juntas, senão os paramédicos iam invadir o set (RISOS). Amo a Xuxa, amo a Thalita, então nem liguei para cachê, acertei na hora.

“[Xuxa] você é maravilhosa, marcou uma geração. E olha só esse time de mulheres fantásticas! Esse filme é divertido, inspirador, e trata os assuntos com muita leveza. Amei participar e tive crise de riso com a Zezeh, Foi incrível”, completou. A produtora Patrícia Chamon falou da escalação de Xuxa e do restante do elenco: “A gente queria muito a Xuxa, e fixemos esse esquema de datas, e fomos montando o elenco, e o quebra-cabeça foi se montado. Fomos montando o elenco de acordo com o tom do personagem, para que ficasse bastante orgânico”.

xuxa e elenco
Xuxa ao lado do elenco – Foto (Graça Paes/Zapp News)

“Montamos um grupo de fadas que não gera estranheza em tela. Essa troca também a gente teve um apoio muito grande de entendera aonde chegar com esse filme, como com a empresa de efeitos especiais. Queríamos um filme que funcionasse por completo”, completou.

A diretora Vivianne Jundi elogiou a produção do projeto: “Eu sempre gosto de trocar, seja na criação ou no set, e foi muito gostoso o processo. A Xuxa eu adorei que ela confiou, e eu queria criar um espaço para isso, que ela se sentisse confortável”.

“Ela é uma profissional que tenho um respeito absoluto, e gera uma responsabilidade estar à altura profissional dela. Como também sou exigente, foi um match perfeito, e quando eu a vejo entregando tudo e muito mais, me deixou aliviada, e refletiu no trabalho de todo mundo”, reforçou. Xuxa declarou, emocionada: “Quero agradecer o carinho de todo mundo”.

Pôster do filme "Uma Fada veio me Visitar"
Pôster do filme “Uma Fada veio me Visitar” (Foto: Divulgação)

REFERÊNCIAS E CONTOS

Xuxa detalhou as referências que o filme fez à década de 1980, principalmente quando ela homenageou Angélica: “Precisamos cortar muitos personagens, e infelizmente foi minha amiga Angélica. Porém, ela falou que ia me enviar a pinta dela, e fiquei confusa, mas quando cheguei em casa, tinha o adesivo da pinta dela, que ela mesma tem, que deixou muito especial a homenagem”.

“Eu e o figurinista estuamos os detalhes, e ainda ia recebendo a provação dela no processo. Ainda, insisti para manter uma cena em que falo ‘Vou de táxi’, e mesmo a diretora e a Thalita falando que poderia não entrar no corte final, fiquei feliz de ver que entrou na versão que assisti”, revelou. “Adorei fazer Madonna, Boy Jorge, mas a Angélica foi especial, pela pinta e por ela ser minha amiga. Luciano falou que eu tava gata, falei: ‘claro, estou igual sua mulher’”, brincou.

Xuxa então falou de sua relação com seres fantásticos: “Eu já vi duende. Falam que foi delírio, mas não fumo, bebo, me drogo, vi como eu sou. […] Fui comemorar meu aniversário em Angra, no meu quarto, vi uma coisa brilhante, que clareava o quarto todo, e fui ver o que era, e acordei a Sasha para mostrar. Ela cantava e o brilho aumentava. Se era fada não sei, mas eu sei que tem”.

“Os pais do Gugu já viram inclusive, e me ligaram para contar, assim como muita gente mandando relatos. Não é porque não viu que não pode acreditar”, afirmou, enquanto Périssé lembrava da lenda da Tinker Bell, em que engar a existência de uma fada faz outra morrer.

Xuxa Meneghel de Angélica em Uma Fada Veio me Visitar
Filme conta com diversas homenagens aos anos 1980 (Foto: Divulgação)

MENSAGEM E OBJETIVO DO FILME

Ao final da entrevista, a equipe passou a comentar sobre o impacto que desejam que “Uma fada veio me visitar” faça nos fãs, e Zezeh Barbosa foi bem positiva: “Eu passaria que a gente tem que sonhar sempre, acredito que passa isso”.

“Eu tenho mais de 50, mas eu acredito que a possibilidade do sonho, agia e encanto podem te levar para algum lugar. Acho sonho maravilhoso, ainda mais para crianças, e no mundo de hoje, poder sonhar é bem importante”, declarou ela, enquanto Thalita Rebouças dava a sua visão.

“A mensagem do livro é não julgar o livro pela capa, e mostrar como o bullying pode ser cruel, algo que se aborda muito em produções adolescentes, e gera uma identificação muito fácil com o público. O etarismo que a Xuxa abraça foi incrível também. Fiquei muito feliz com a adaptação em tela”, garantiu a escritora.

“Xuxa é corroterista, e foi muito legal ver a empolgação e empenho dela”, afirmou, enquanto a apresentadora dizia: “Eu pedi para incluirmos um texto sobre ecologia e reflorestamento, e ela aceito, foi muito incrível”. “Ficou muito delicado e não panfletário, e isso foi muito bom”, afirmou Rebouças.

Tontom Périssé e Xuxa nos bastidores de Uma Fada Veio me Vistar
Filme conta com diversas mensagens marcantes (Foto: Divulgação)

VISÃO DE XUXA

Xuxa então descreveu sua visão e relacionou com a personagem: “O mais importante da Tatu é tentar entrar em um mundo impenetrável, que é entrar na cabeça do adolescente, e com a leveza que a Thalita colocou no texto. Converso com muitos pais que falam como os herdeiros mudaram, e acho que devemos respeitar isso, e a Tatu faz isso, ela respeita a Luna, mas sem desistir dela”.

“Tatu não desiste de maneira nenhuma da Luna, que mostra todas as fases de uma adolescente, que passa por muitas dificuldades. A fada mostra que devemos olhar para as pessoas com mais carinho, e é a maior mensagem que o filme pode dar, e que todos temos problemas e devemos ajudar, e acima de tudo, respeitar”, garantiu a apresentadora.

Por fim, ela comentou sobre a campanha de vacinação que pode render para a crianças um ingresso grátis para assistir ao filme na estreia: “A Ludmilla fez uma campanha linda de dar ingresso para quem fizesse doação de sangue, e eu queria aplaudir, quero que ela seja lembrada para sempre”.

“Na época de ‘Lua de Cristal’, fiz campanha de doação de alimento, mas aqui queria ir no tema da saúde, e como foi uma campanha de vacinação que não deu tão certo igual nos anos 80, decidi que deixaríamos as crianças entrarem na estreia apenas mostrando que se vacinaram e mostrando sua carteirinha de vacinação”, lembrou.

“Antes, a criança vacinava sempre, com precisão, mas hoje em dia estamos vendo muita gente desacreditando na ciência. Tivemos fake news de pessoas duvidando da eficácia da vacina, e quero ao máximo mudar isso. Um adulto pode escolher não se vacinar, mas a criança tem que ser vacinada. Por trás da alegria e das mensagens do filme, temos essa da vacinação, que é uma demonstração de amor e carinho”, concluiu Xuxa.

Raphael Araujo Barboza é formado em Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. OFuxico foi o primeiro lugar em que começou a trabalhar. Diariamente faz um pouco de tudo, mas tem como assuntos favoritos Super-Heróis e demais assuntos da Cultura Pop (séries, filmes, músicas) e tudo que envolva a Comunidade LGBTQIA+.


×