Novo álbum de Luísa Sonsa tem músicas bloqueadas com parcerias! Saiba quais!

Por - 30/08/23

cenas do álbum escândalo íntimo

Luísa Sonza abalou todas as estruturas do Brasil ao lançar seu novo álbum ‘Escândalo Íntimo’, alcançando o topo de diversas paradas musicais e números gigantescos em visualizações nas canções.

Porém, os internautas perceberam que apenas 18 músicas foram liberadas e que o álbum contém as famosas ‘Faixas Bloqueadas’, assim como a última produção de Luísa, o ‘Doce 22’.

No Twitter oficial de informações da loira, foram divulgadas as 6 faixas que ainda serão liberadas ao longo das semanas, inclusive uma parceria com Maiara e Maraisa. São elas:

  • ‘Bêbada Favorita feat. Maiara & Maraisa’; ‘
  • Sagrado Profano feat. KayBlack‘;
  • ‘Interlúdio – De Amor’;
  • La Muerte’;
  • ‘O Amor Tem Dessas (e é melhor assim)’;
  • ‘You Don’t Know Me’.

Anitta reage à ‘Escândalo Íntimo’

Anitta tirou um tempo para responder seguidores no Instagram e decidiu falar sobre o novo álbum da amiga. Um admirador disse: “Você ainda pensa em fazer um álbum com conceito fechadinho, igual ao de Luísa (Sonza), Marina (Sena) etc…?”.

Sem papas na língua, a dona de “Used To Be” disse que “faz coisas diferentes delas” e falou sobre comparação entre artistas, além de esclarecer que os seus três clipes recém-lançados são um conceito amarrado:

“Meu álbum é de funk né?! É um álbum inteiro de funk e os três clipes agora tiveram um conceito bem amarradinho, mas faço uma coisa um pouco diferente da delas. Acho que essa coisa de comparar é muito complicado, porque para você comparar pessoas, artistas, atletas quem quer que seja, vocês teriam que colocar essas pessoas para nascer o mesmo lugar, no mesmo ambiente familiar e na mesma cidade e na mesma condição (…) é difícil essa comparação”.

Ela também disse que seu futuro álbum é trilíngue e que ele vai para outras regiões, além de declarar que no Brasil ela já conseguiu sua visibilidade e que expande seu trabalho para outros lugares do mundo:

“Vocês têm que lembrar que meu álbum é para mais regiões, né?! São em outros idiomas. Eu acho que se fosse só para o Brasil, eu conseguiria fazer muito mais. No Brasil já consegui minha visibilidade e agora eu estaria só brincando de explorar, de fazer diferente, etc. É diferente, eu estou fazendo trabalho para outras pessoas, para outros idiomas, para pessoas que ainda estão começando a me conhecer agora, um início de carreira (internacional), ainda tem muita coisa que tem que pensar e não pode ser tão conceitual. (…) São lugares diferentes em momentos diferentes de carreira e carreiras diferentes né?!”.

Preta Gil

Faça parte da comunidade oficial OFuxico no WhatsApp e receba as notícias sempre em primeira mão.