Bradley Cooper nasceu para ser pai: ‘Não sei se estaria vivo’

Por - 29/02/24

Bradley Cooper

Bradley Cooper participou esta semana do podcast de Dax Shepard e Monica Padman, “Armchair Expert”, e lá confessou ao apresentador que não há nada mais importante para ele do que ser pai.

Bradley Cooper gosta de ficar em casa peladão

O ex de Irina Shayk, com quem divide a filha Lea, de seis anos, falou de seu relacionamento com a menina, e afirmou que não sabe o que teria acontecido com ele, se não tivesse sido pai.

“Ser pai? Honestamente, não tenho certeza se estaria vivo se não fosse pai. Não sei”, disse Cooper.

“O que teria acontecido?”, Shepard pergunta.

Bradley Cooper reage à notícia do namoro de Irina Shayk e Tom Brady

“Eu não sei. Eu não sei cara, não tenho certeza.”

Conexão e Paternidade

O ator de “Maestro” refletiu sobre como seu relacionamento com Lea, impactará no futuro suas escolhas na vida.

Entretanto, Shepard o questionou se ele pensa se sua filha crescerá para se casar com alguém como ele ou não, dizendo que as meninas muitas vezes crescem para se casar com homens como seus pais e os meninos muitas vezes crescem para se casar com mulheres como suas mães.

Receba as Notícias de OFuxico em seu celular

“Eu penso muito sobre isso, em termos de como meu relacionamento com minha filha impacta seu crescimento e a jornada que ela fará? E especificamente, romanticamente na vida, onde quer que a intimidade a encontre”, diz Cooper.

“Eu percebi que ela fará 7 anos em março. Você conhece meu relacionamento com meu pai, [eu não] passei muito tempo com ele. Acho que já passei mais horas com minha filha do que o fiz com meu pai a vida inteira. Então só isso já é maluco”, justifica.

Gigi Hadid e Bradley Cooper não escondem mais o namoro

Bradley também contou que adora ter conversas profundas com a filha: “O tempo todo. Todas as conversas”, disse Cooper.

“Sua capacidade de articular seus sentimentos aos 6 anos…”, impressiona-se. “A mãe dela e eu choramos por esse ser humano que estamos criando e que é capaz de articular em sua voz.”

Formada em Ciencias de la Comunicación (México), louca por gatos e fascinada com o mundo dos famosos. Feliz de ser parte do OFuxico desde 2000.