MC Pipokinha causa ao mostrar o bumbum em cabine de avião

Por - 31/05/23 às 14:26

mc pipokinha sensualizando em cabine de aviãoFoto: Reprodução/Twitter @aero_in

MC Pipokinha é um dos grandes nomes da música brasileira na atualidade, tendo ficado muito famosa pro suas apresentações ousadas e de conteúdo extremamente sexual, com ela mesma se intitulado a “Rainha da p*taria”.

Uma figura extremamente polêmica, a cantora acabou causando ao visitar uma cabine de avião no aeroporto. O Motivo? Seus shorts finíssimos na qual estava vestida. Em vídeo circulando na web, é possível vê-la ao lado do piloto da aeronave em questão, que pediu para ela “não mostrar o bumbum”.

No vídeo em questão, a pessoa que estava gravando mostrou Pipokinha sentada no lugar do piloto, e disse. “Ai, você é a pilota? Chocado”. Ela então se levantou e abaixou as roupas, com o piloto do lado dizendo: “Ei, não mostra isso, não mostra”. Ela então respondeu: “Eu tô de shorts. Você achou que eu estava pelada?”.

Leia+: MC Pipokinha e Mulher Pera brigam no palco do ‘Superpop’. Vídeo!

Ao portal Splash UOL, a Gol, empresa do avião em questão, informou que oferece visitas supervisionadas à cabine mediante aval do comandante da aeronave, mas alegaram que não tem como prever ações como a realizada por MC Pipokinha: “A GOL informa que é uma política da Companhia permitir rápidas visitas supervisionadas à cabine para aproximar as pessoas do incrível universo da aviação, que desperta bastante curiosidade”.

“As visitas são autorizadas de acordo com a avaliação do Comandante, geralmente durante o desembarque, desde que não interfiram na preparação para o próximo voo ou na segurança”, disse o texto.

“A Companhia reitera que não há como prever atitudes repentinas como a da Cliente deste vídeo, que também foi surpreendida com o fato e que repudia atitudes desrespeitosas”, concluiu a nota da Gol.

INVESTIGADA POR MENORES DE IDADE EM SEU SHOW

Recentemente, o Ministério Público de São Paulo (MP-SP) instaurou um inquérito para apurar a entrada de crianças e adolescentes (alguns, inclusive, desacompanhados) em shows de MC PIpokinha. As informações são do jornal O Globo.

Segundo a notícia de fato encaminhada pela Secretaria da Justiça e Cidadania do estado de São Paulo, com representação do deputado estadual Guto Zacarias (União Brasil), Pipokinha não informa a classificação indicativa nos materiais de divulgação de suas apresentações, que de acordo com o documento, têm “conotação sexual e obscena” e as músicas possuem “conteúdo pornográfico”.

Leia+: MC Pipokinha finge estar desaparecida, irrita fãs e Felipe Neto solta o verbo

O inquérito teria sido instaurado no último dia 25 de maio pela promotora de Justiça Luciana Bergamo, da Infância e Juventude, que argumenta que, “apesar de a Constituição garantir o direito à livre expressão da atividade artística, o exercício desse direito não pode violar direitos fundamentais de crianças e adolescentes, que precisam ter acesso a informação, cultura, lazer e serviços que ‘respeitem a sua condição peculiar de pessoa em desenvolvimento’”.

Após o inquérito, o MP-SP teria determinado a expedição de ofício a MC Pipokinha, para que ela esclareça os fatos, além de indicar as empresas responsáveis pela venda dos ingressos de suas apresentações e as produtoras realizadoras dos eventos em um prazo de 15 dias.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Raphael Araujo Barboza é formado em Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. OFuxico foi o primeiro lugar em que começou a trabalhar. Diariamente faz um pouco de tudo, mas tem como assuntos favoritos Super-Heróis e demais assuntos da Cultura Pop (séries, filmes, músicas) e tudo que envolva a Comunidade LGBTQIA+.


×