Em vídeo, Mani Reggo, mulher de Davi, conta a mais bonita história de amor

Por - 16/04/24 às 09:42

Mani Reggo e Davi – Foto: Reprodução InstagramMani Reggo e Davi – Foto: Reprodução Instagram

No momento final do BBB 24, Mani Reggo gravou um vídeo contando sua história com Davi Brito, participante favorito para ser o campeão do reality. O relato emociona e certifica que o relacionamento do casal não representa um caso passageiro, bem mais do que isso, cada palavra retrata o jeito de ser do brother.

“Eu conheci Davi no hospital. Minha barraca de lanches fica em frente ao hospital do exército e ele era um dos meus clientes. A gente não tinha contato visual porque ele trabalha na cozinha e a gente se via pouco. E aí os pedidos eram feitos através do WhatsApp”, relata a empreendedora.

Receba as notícias de OFuxico no seu celular

Medo da idade

Após um primeiro contato e um convite para siar, Mani confessa que desistiu do compromisso ao saber que Davi era bem mais jovem do que ela imaginava.

“Mas nesse meio termo da conversa eu fiquei sabendo que ele era bem mais jovem do que eu imaginava. E aí eu não queria mais. […] Eu sabia que ele era jovem, mas não tão jovem. Nesse primeiro momento eu não queria mais. E aí eu mandei mensagem pra ele […] Eu chamei ele perto da barraca e falei, eu não vou mais sair com você.

Aí ele arregalou o sonho. ‘Por quê?’ Agora que eu descobri que você é mais jovem do que eu achava que você era e eu não vou sair com você, acho que não vai dar certo, porque eu nunca me relacionei com ninguém tão mais jovem assim. Aí ele me olhou com aquele olhar dele e falou assim, ‘me conheça primeiro, eu sou muito responsável’”.

Mãe de Matteus solta o verbo contra Davi e detona o baiano. Vídeo!

Sintonia imediata

Mani lembra que logo no primeiro encontro a sintonia foi muito forte e um relacionamento intenso ganhou espaço na vida dos dois. “Sabe quando você encontra um parceiro? Nossa relação é de parceria. É de parceria, de amor, de cuidado, sabe? De cumplicidade”, aponta a proprietária da Lanchonete da Many.

Apaixonada e encantada com o jeito de ser de seu companheiro, a baiana falou sobre o desafio de namorar um homem bem mais jovem e expor sua realidade para ajudar na jornada de Davi no confinamento: “Eu sempre fui muito reservada. Foi quando minha irmã Fabiana, que é minha assessora, me trouxe uma proposta de contar um pouco da minha história com o Davi e poder ajudar ele de alguma forma lá no programa. Por ele ter colocado várias fotos nossas no Instagram, as pessoas começaram a perguntar quem é a esposa de Davi, mas começaram a perguntar de uma forma diferente, quem é a mulher mais velha dele”, relembra.

Gil do Vigor chora por causa de Alane e mãe da sister é alvo de haters. Entenda!

Medo do julgamento

O receio de ser julgada de maneira cruel também fez parte da trajetória de Mani nos três meses de reality: “E aí eu falei, não, não quero fazer uma rede social para estar falando sobre alguns assuntos […] nesse primeiro momento ainda não tinha rede social, mas eu estava sendo atacada. As pessoas falavam que eu era velha, que era mulher de 21 anos. É 21 anos de idade de diferença. E aí quando eu percebi que eu poderia ajudar de alguma forma as mulheres que passavam pela mesma situação que eu estava passando, eu falei, não, acho que é interessante eu criar um Instagram para que eu possa ouvir e dar voz a algumas mulheres”, relembra.

Mesmo antes de criar sua rede social Mani já sentia que muitas mulheres enfrentam os mesmos desafios: “As pessoas iam lá na minha barraca, me chamavam no canto.

Irmão de Marília Mendonça pede desculpas para Alane após fala infeliz

Eu também tenho um namorado que é jovem, me chamava meio tímido para conversar, e aí quando eu fui percebendo que tudo isso é da voz, né, a mulher, a outras mulheres, se sentir representada de alguma forma, e aí foi que eu topei, eu disse, bora, tá dando certo, e aí a gente começou de uma forma bem orgânica, sou ela e as meninas da equipe que ajudavam de alguma forma, E aí deu certo, ela falou que estava com seguidores, aí eu falava, é, às vezes eu nem acompanhava muito pela correria, sabe?”.

Sem roupas para ir ao BBB

Mani contou ainda sobre a postura de Davi ao ser escolhido para participar do Big Brother Brasil. “A gente estava muito apertado nessa época. […] E ele não queria comprar roupas para levar. Tanto que, se vocês observarem, as mesmas roupas que ele usa no Big Brother, as mesmas roupas do dia a dia, das fotos que a gente tirava.

E eu disse, não, amor, a gente vai comprar. […]  E a gente foi na loja, comprou algumas roupas, e eu tentei montar com ele alguns looks, né? Aquela camisa que ele entrou no começo do programa, eu falei, você vai usar o liso com estampado, nunca estampado com estampado, mas não adiantou, porque ele entrou com estampado com estampado”, relembra a vendedora de lanches com humor e muito carinho.

Campeão do BBB ganhará documentário no Globoplay. Saiba tudo!

O desafio da saudade

Acostumada a passar o tempo todo ao lado de seu companheiro, Mani não esconde seu sentimento em relação a distância:  “Eu acho que quando eu ia passando as etapas, ia se aproximando, eu criava aquela ansiedade. Falei, como é que vai ser?

Eu vou ficar longe dele. A gente nunca ficou longe. A gente faz tudo junto. Mas eu acho que três dias antes foi um dos dias mais difíceis. Chorava muito, chorava, chorava. […] Mas em nenhum momento eu falei não vá. Acho que seria egoísmo da minha parte impedir que ele fosse atrás dos sonhos dele”, relata.

Apenas Respeito

Marcado pelo complicado caso envolvendo Lucas Buda e sua então esposa, Camila, o BBB 24 encontrou um oposto em Davi. Fiel a sua amada, o brother jamais demonstrou qualquer intenção de se envolver com alguma participante do reality. Mani conta qual foi a conversa que teve com o marido antes do confinamento: “Eu só exigi, que não foi nem exigência, foi um pedido, foi que ele não me envergonhasse. Foi essa palavra que eu usei pra ele. Não foi nem não me traia. Foi não me envergonhe. […] Eu vou estar aqui, você vai estar lá. E não me envergonhe. Você tem o direito de entrar solteiro. Se você quiser, você vai entrar solteiro, a gente vai terminar nossa relação aqui. Você vai entrar e quando você sair, caso a gente queira ainda ficar junto, conversamos e ele me respondeu ‘não, eu vou entrar casado e vou sair casado”.

“Me espera!”

Após deixar o marido no hotel onde ficaria confinado, Mani ainda conversou com ele por alguns momentos, via whats app. A lembrança da última mensagem enche o coração da empreendedora de emoção: “Ele mandou uma mensagem pra mim assim, a ficha não caiu, mas tudo bem, uma hora cai. Vou ficar sem te ver. Olhe, me espere, tá? Eu volto. Para te buscar. Para juntos sermos felizes, eu e você. Só eu e você. Serei fiel a você até o final. Eu prometo”, relata.

Mani não esconde que muitas vezes se abateu com os comentários maldosos de pessoas apontando a diferença de idade entre eles como um empecilho, uma vergonha: “Às vezes eu ria, às vezes eu queria xingar, mas não podia. Mas as pessoas que me seguiam, elas mesmo que me defendiam. […] Aí, no começo, eu me questionava muito, pô, a pessoa nem me conhece, não conhece nem a minha história com o Davi, não conhece e me critica. E o que eu ficava mais chateada disso tudo era as criticazinhas de mulheres. Eram as mulheres que me criticavam. Criticavam a minha relação. ‘Quando ele sair de lá, ele não vai ficar com você. Ele vai te largar para uma mais jovem. Ele vai estar com dinheiro. Ele não vai querer você mais’”, conta a empreendedora.

Uma mensagem para Davi

Mani Reggo encerra seu vídeo com uma mensagem emocionante, que deixa evidente o seu amor e a certeza de que os dois construíram um relacionamento raro: “Meu amor. Eu te confesso que eu. Achei que eu não ia resistir a tudo isso, não. A saudade que eu tenho de você é muito grande, muito, muito grande. Você me ensinou muita coisa. […]Mas você me ensinou que amar é possível. Que ser amada é possível. Você me ensinou a confiar em alguém. Quando eu tô perto de você, como eu sempre falo, eu me sinto segura. Você me traz uma segurança que eu não sei explicar de onde que vem”, inicia a  vendedora de lanches.

“Eu orei muitas vezes pedindo pra que Deus colocasse uma pessoa na minha vida como Davi. A gente tinha tudo pra não dar certo. Por vários motivos. Não só pela diferença de idade”, afirma.

Sobre a convivência com o companheiro, as palavras de Mani revelam algo raro: “Ele sempre me dá bom dia. Sempre. Bom dia, meu amor. É entrar naquele carro de manhã… E eu sentar do lado e ele olhar pro lado e falar, ‘você tá linda’. Ele todo dia fala que eu tô linda. Todo dia”, relembra.

“Eu só tenho a agradecer a Deus por ter colocado o Davi na minha vida. Eu lembro quantas noites eu dormi chorando. Pedindo pra que Deus colocasse alguém na minha vida. Alguém que me amasse e que eu sentisse ser amor de verdade.

Então, meu amor, quando você assistir esse vídeo, sabe que eu te amo muito. Foram 100 dias difíceis, mas conseguimos”, finaliza.

Impossível não se emocionar e acreditar que essa história de amor ainda terá muitos capítulos pela frente, capítulos com jeito de um final feliz.

Idealizadora do site OFuxico, em 2000 segue como CEO e Diretora de Conteúdo do site. Formada em jornalismo pela Faculdade Casper Líbero, desde os anos 1980 trabalha na área do jornalismo de entretenimento. Apaixonada por novelas, séries, reality, cinema e estilo de vida dos famosos.


×