Família de Mingau abre vaquinha para tratamento do baixista

Por - 11/11/23 às 12:12

Família faz vaquinha para tratamento de Mingau, do Ultraje a RigorFamília faz vaquinha para tratamento de Mingau, do Ultraje a Rigor - Foto: Reprodução/Instagram

Internado há mais de dois meses, Mingau segue se recuperando depois de ser atingido por uma bala na cabeça, em Paraty, no Rio de Janeiro. A família do baixista do Ultraje a Rigor decidiu abrir uma vaquinha online para arrecadar fundos para o tratamento do músico, que está tendo recuperação “lenta e gradual”.

O guitarrista da banda, Marcos Kleine, pediu ajuda aos fãs. “O começo dessa história muitos já devem saber: em 2 de setembro Mingau voltava pra São Paulo quando, ao passar por Paraty, foi baleado na cabeça. Em estado grave e transferido para a capital paulista, enfrentou duas grandes cirurgias em questão de dias”, começou.

O músico ressaltou que o estado de Mingau foi muito delicado, mas ele conseguiu se reerguer. “Sua vida ficou por um fio. A comoção foi geral. Família, amigos, fãs e até quem nem sequer conhecia o baixista do Ultraje a Rigor, um cara com jeitão de moleque, de sorriso fácil e coração de ouro, passou a vibrar por sua recuperação”. 

“Depois de dois meses na UTI, está em condições de partir para a reabilitação. Ele evoluiu bastante nesse tempo, e tem muito mais que progredir, para poder voltar a fazer o que mais gosta: tocar, tocar… E estar em contato com a natureza”, continuou.

“Agora também é a hora de acertar as contas com a equipe de neurologistas que o acompanha desde a cirurgia. Como os familiares não conseguem arcar com todas as despesas não cobertas pelo plano de saúde, abrimos uma vaquinha para quem puder colaborar na construção de um final feliz pra essa história”, pediu o amigo.

A filha de Mingau, Isabella Aglio, reforçou o pedido. “Oi pessoal! Acredito que todos que me seguem aqui sabem da atual situação do meu pai. Fomos pegos de surpresa com uma conta bem alta que, infelizmente, não conseguimos pagar… Para isso, criamos uma vakinha pra arrecadarmos fundos para pagar as cirurgias e outras coisas que iremos precisar agora no processo de reabilitação (como cadeira de rodas). Peço que ajudem como puderem! Obrigada”, publicou nas redes sociais. 

O perfil “Juntos Por Mingau” foi criado para divulgar a ação organizada pela família e amigos do músico. O baixista segue internado e sem previsão de alta, mas os médicos estudam estratégias para sua desospitalização.


×