Programa Eliana: Léo Santana comemora aniversário e conta história de vida

Por - 20/04/24 às 07:00 - Última Atualização: 19 abril 2024

Leo SantanaRogerio Pallatta/SBT

No próximo dia 22 de abril, Léo Santana comemora aniversário e receberá homenagem no Programa Eliana, do SBT, no dia 21. Ele já esteve presente em um momento muito especial na vida de Eliana, fazendo uma surpresa de aniversário totalmente inesperada em 2016. Como retribuição de carinho, o cantor recebe uma homenagem com um bolo por mais um ano de vida no palco do programa.

Receba as notícias de OFuxico no seu celular!

Desta vez, no palco, ele participa do quadro História de Vida. Amigos, irmãs, a mãe, a esposa Lorena Improta, a filha Liz e até a cantora Ivete Sangalo demonstram amor e admiração a Léo Santana.

Leandro Silva de Santana Improta nasceu em Salvador, no dia 22 de abril de 1988, mais conhecido pelo seu nome artístico, Léo Santana. Filho de Lourival e Marinalva Santana, nasceu e foi criado no bairro Boa Vista do Lobato, periferia da capital baiana, onde desde a adolescência sonhava em trabalhar como músico. Atualmente, o “Gigante” ou GG, como é apelidado, tem mais de 2 bilhões e 300 milhões de visualizações nas redes sociais. Ele já cantou com grandes nomes da música nacional e arrasta multidões por onde passa.

Léo Santana vai ter Navio para chamar de seu

Leo Santana
Léo Santana no Programa Eliana – Foto (Rogerio Pallatta/SBT)

Infância dura

A equipe de reportagem da atração foi até o bairro de Boa Vista do Lobato, subúrbio onde Léo nasceu e cresceu. A região tem muitas histórias da vida do cantor. Antes de iniciar a carreira artística, ele trabalhou vendendo frango assado na praia e fazendo coquetéis em bares, porém não conseguia muito dinheiro. Depois de algum tempo trabalhando como auxiliar de cabeleireiro, com muito esforço montou sua própria barbearia e então passou a ajudar a custear as despesas da casa.

“Eu chegava a cobrar R$ 1,99 no corte e meu corte mais caro foi de R$18,00 reais […]. Era tudo ao mesmo tempo, eu cortava o cabelo a domicilio, eu estava no supermercado com carrinho de mão, pegando compras dos clientes por qualquer trocado, ao mesmo tempo, eu estava na praia vendendo frango assado, era tudo ao mesmo tempo e ainda querendo ser músico”, alega Léo.

Carnaval: Léo Santana emagrece 10 kg em 8 dias de festa

Relação com o pai

Questionado como se enxerga como pai, o baiano afirma: “querendo ser pai de novo”. Liz, a filha do cantor, tem apenas 2 anos de idade; Eliana pergunta se agora ele entende a educação do pai Lourival no passado.

“Eu entendo e me corrijo o tempo todo em algumas atitudes dele comigo e minhas irmãs, e eu penso: ‘não, não quero ter essa atitude’, porque eu não gostava do meu pai perante a educação da gente, isso era uma visão minha naquele tempo. Ele tinha atitudes que eu não queria repetir, mas eu tenho um pouco de meu pai ainda, claro que tenho orgulho de ter as coisas que ele me ensinou, de caráter, de personalidade, de honestidade, de ser um cara íntegro”, afirma GG.

O pai de Léo desejava que ele tivesse um emprego, mas não apoiava a carreira musical, já que não considerava o canto como uma profissão.

“Meu pai sempre foi um cara muito saudável e quando descobriu a diabete já estava avançada, e aos poucos começou a perder a visão, os movimentos das pernas e quando se viu já era um cadeirante e isso na cabeça dele era um turbilhão de coisas, um mix de sentimentos, só que para mim como filho, naquele momento, eu não conseguia entender, porque ele não queria me ver cantar e aí já envolve uma coisa que aprendi na terapia, eu perguntava o motivo do meu pai não me dar certas coisas, ele nunca me levou em jogo de futebol, ele nunca me levou para passear, ele sempre foi um cara muito amoroso, mas da forma dele. Minha mãe sempre foi aquela pessoa dada, ‘vem para cá’, ‘deita no meu colo’, carinho e beijo. Aí eu descobri na terapia que meu pai não teve isso, você não pode dar o que você não teve, meu pai não foi criado cheio de amores, cheio de mimos, então, automaticamente, não sei se era uma defesa, mas ele não conseguia – por mais que ele quisesse externar-, ter esses carinhos, esse amor pelos filhos, principalmente comigo […] .Depois que eu comecei a ser reconhecido, ele reconheceu também e ele me pediu perdão, eu o perdoei, tivemos conflitos, mas a gente se abraçou, se entendeu. Eu levei meu pai em shows fora da cidade e ele se emocionou, porque ele não viveu uma boa parte do meu reconhecimento”, diz Léo.

Léo Santana vai ter turnê pela Europa

Leo Santana
Léo Santana no Programa Eliana – Foto (Rogerio Pallatta/SBT)


Casamento e paternidade

Em fevereiro de 2017, Léo assumiu seu namoro com a dançarina e publicitária Lorena Improta, de quem ficou noivo após seis meses de namoro. O casal terminou algumas vezes, mas em junho de 2020, eles já estavam juntos novamente. Em fevereiro de 2021, casou-se em sua casa em Salvador, em uma cerimônia entre familiares próximos devido à pandemia de COVID-19. Logo depois, o casal anunciou que eles estavam à espera do primeiro bebê. Após o casamento, Léo e Lorena adotaram o sobrenome um do outro. A primeira filha, Liz, nasceu no Hospital Português da Bahia, em Salvador, no dia 26 de setembro de 2021.

Em um depoimento, a esposa relata como se conheceram e expõe o paizão que Léo Santana é: “O Léo como pai me surpreende a cada dia, é um pai amoroso, um pai que se preocupa, que quer sempre ver o melhor de Liz, que fica se questionando o motivo de viajar muito e, às vezes, ele se sente um pouco longe, distante dela, eu fico tentando acalmar o coração dele. Espero que esse ano venha mais um bebezinho para aumentar nossa família. Queria dizer que sou muito feliz ao seu lado, te amo demais, te admiro”.

“Liz veio como uma bênção, porque foi em um período que eu tinha acabado de perder meu pai. Meu pai teve infarto fulminante em meio a pandemia, a Lore me deu a notícia que estava grávida logo alguns meses ou um aninho depois, eu não sei dizer se era depressão, mas eu estava em uma tristeza muito profunda, posso até dizer que vivi uma depressão, quem sabe, não queria ver ninguém e ela me presenteou com essa notícia”, declara o Gigante.

---

Tags:

Jornalista desde 2000, iniciou a carreira como redatora do site OFuxico em 2002. Anos mais tarde, trabalhou como editora no site Famosidades (MSN), tendo passagem ainda como repórter na Quem, jornal Agora S. Paulo (Folha de S. Paulo), R7 e retornou em 2015 como editora do site OFuxico.


×