Lily-Rose Depp vira as costas para críticas e defende papel em série

Por - 15/06/23 às 22:22

Lily-Rose Depp como JocelynLily-Rose Depp como Jocelyn / Reprodução / Instagram /@theidol

Lily-Rose Depp continua defendendo seu papel na série da HBO “The Idol“, que protagoniza com The Weeknd, embora seus fãs ainda estão criticando o programa e rotulando a série de “pornografia de tortura” depois que o mais recente capítulo foi ao ar, onde o cantor participa de uma cena pornográfica com uma das personagens.

A filha de Johnny Depp, que interpreta a cantora Jocelyn no drama do criador de “Euphoria”, Sam Levinson, compartilhou vários stories no Instagram, para demonstrar sua gratidão por fazer parte do show.

“Não consigo colocar em palavras como estou me sentindo agora! Este show e as pessoas com quem tive a sorte de fazê-lo significam tudo para mim. Filmar foi a experiência mais especial que já tive, e agradeço todos os dias às minhas estrelas da sorte pela família mais linda que construímos juntos. Meu ídolo, você sabe quem você é – eu amo muito vocês.”, escreveu.

“Sam e Abel, obrigado por me deixarem ser sua Jocelyn. Ainda estou me beliscando por vocês terem me escolhido. Obrigado por tornar meus sonhos realidade, eu amo vocês dois para sempre.”, comentou em outro post.

Apesar de seu total agradecimento, os fãs da atriz temem que ela seja rotulada em papéis pornográficos após o show. Uma fonte comentou:

“Lily tem que ser protegida, isso é a coisa mais importante, além do fato de ‘The Idol’ ser bom ou meramente pornô de tortura.”, disse.

Outra fonte da produção comentou à coluna “Page Six” do jornal “The New York Post”:

“Ela ainda é muito jovem e impressionável… ela diz que se sente fortalecida, mas tem dois homens no comando (The Weeknd e Sam) dizendo a ela o que fazer.”, lamentou.

CENAS FORTES

Os fãs de The Weeknd estavam muito ansiosos para finalmente assistir à primeira série, escrita, produzida e protagonizada por seu ídolo, “The Idol”, transmitida pela HBO, mas após a estreia, muitos seguidores do cantor se sentiram decepcionados e ‘horrorizados’.

Após vários críticos lamentarem a produção cheia de cenas explícitas e desnecessárias, agora os espectadores se horrorizaram com uma cena de sexo que foi ao ar durante o episódio de domingo à noite.

A filmagem em questão mostrava The Weeknd, agora conhecido por seu nome de batismo, Abel Tesfaye, dizendo a uma mulher para que ‘abrisse’ suas partes íntimas, enquanto ela enfiava os dedos na boca. A cena deixou os fãs do artista bastante decepcionados.

O show, que já foi descrito como uma “fantasia de estupro”, enfrentou ainda mais críticas do que já havia recebido assim que a cena foi ao ar.

Através do Twitter, muitos espectadores demonstraram sua total decepção com o conteúdo:

“Perdi totalmente o respeito por ele”, lamentou uma seguidora.

“Nunca mais verei o fim de semana igual depois desse #theidol”, twittou um espectador.

“The Weeknd é um pervertido, omg”, twittou outro.

“Me desculpe, eu não me importo com o que você faz, mas fazer isso na TV, especialmente graficamente, é estranho.”, disse outra fã.

“Eu não esperava que Abel fosse tão pervertido”, lamentou outra.

Enquanto isso os atores estão levando numa boa as críticas negativas.

A filha de Johnny Depp, Lily-Rose Depp, confessa que riu da maioria das coisas que leu a respeito.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Formada em Ciencias de la Comunicación (México), louca por gatos e fascinada com o mundo dos famosos. Feliz de ser parte do OFuxico desde 2000.


×