Mariah Carey canta com a filha em especial de Natal

Por - 24/11/23 às 09:00 - Última Atualização: 23 novembro 2023

Mariah CareyMariah Carey / Reprodução / Instagram @mariahcarey

Em um momento descontraído de seu show de Natal no Hollywood Bowl, Mariah Carey demonstrou todo seu talento vocal, ao apresentar sua nova música ‘the mop song’, quando um dos assistentes de palco estava limpando o chão do cenário com um mop [esfregão].

“Às vezes você só precisa esfregar, esfregar, esfregar!”, brincou a popstar na legenda.

O público riu com a interpretação improvisada da diva, inclusive uma das risadas foi identificada como sendo de Kris Jenner, que estava na plateia do show.

A matriarca da família Kardashian-Jenner comentou em outro post de Mariah sobre o show, dizendo: “Foi tão FABULOSO!!!!! Só uma noite linda com Mariah!!!”, escreveu, adicionando quatro emojis de coração.

No mesmo show, Mariah cantou com a filha Monroe o tema “Jesus Born on This Day”.

Entre os famosos que ‘curtiram’ o post da cantora estavam seu ex-Nick Cannon, pai de Roe, e Bryan Tanaka, o namorado de Carey, que não foi visto no local, em meio a boatos de separação.

Processo?

O ‘descongelamento’ de Mariah Carey para a época natalina com sua música mais tocada de todos os tempos, “All I Want for Christmas Is You“, voltou a causar conflito e agora o tema, lançado por ela pela primeira vez em 1994, tornou-se novamente alvo de uma disputa legal. De acordo com a revista “NME”, a cantora é alvo de uma ação judicial movida por um músico chamado Andy Stone, que acusa a artista de supostamente ‘copiar elementos de sua música’ de mesmo nome, lançada por ele em 1989.

Na verdade, esta é a segunda vez que Stone, que atua como ‘Vince Vance and the Valiants’, processa Carey por supostamente copiar a faixa. O primeiro processo de Stone aconteceu em junho de 2022, mas foi arquivado em novembro do mesmo ano.

No último processo, aberto em um tribunal da Califórnia na quarta-feira (1º de novembro), Stone e o co-escritor e demandante Troy Powers, citam entre os réus Carey, junto com o produtor Walter Afanasieff e a Sony Music Entertainment.

A reclamação de Stone afirma que a versão de Vince Vance de “All I Want for Christmas Is You” se tornou um sucesso da música country” após “extensa exibição em 1993″, na época do Natal. Ele diz nos documentos entregues à corte: “A música chegou à parada Hot Country da Billboard mais cinco vezes ao longo da década de 1990, chegando ao 31º lugar”, afirma, alegando que a canção de Mariah Carey supostamente copia, da canção de Stone, a “estrutura composicional de uma extensa comparação entre um ente querido e armadilhas do luxo sazonal [época do ano]”.

A denúncia também afirma que o hit de Carey “inclui várias frases líricas de [Stone]”.

Stone e seu co-autor alegam que as “letras violadas com direitos autorais representam aproximadamente 50%” da versão de Mariah Carey de All I Want for Christmas Is You e afirmam que “a progressão de acordes e as semelhanças melódicas aumentam ainda mais essa porcentagem de violação”. Eles estão pedindo uma indenização de US$ 20 milhões em indenização.

Formada em Ciencias de la Comunicación (México), louca por gatos e fascinada com o mundo dos famosos. Feliz de ser parte do OFuxico desde 2000.


×