Brad Pitt reage às acusações de Jolie: ‘Exigiu o silêncio’

Por - 08/04/24 às 08:02

Angelina Jolie, Brad PittAngelina Jolie, Brad Pitt / Reprodução/YouTube

Enquanto Angelina Jolie tenta prejudicar ainda mais a imagem do ex-marido Brad Pitt com novas revelações e acusações de violência doméstica antes do episódio de 2016 no avião, os advogados do ator tomaram uma atitude contra a atriz.

Na reta final do divórcio, Brad Pitt desiste da custódia dos filhos

Pitt solicitou uma moção legal para forçar Jolie a revelar quantos acordos de ordens de silêncio ela pediu aos funcionários do ex-casal que assinassem para exigir silêncio deles, depois que ela o acusou de tentar usar um acordo draconiano [sentenças, disposições ou decretos especialmente cruéis ou severos e que ultrapassem os limites da justiça] para “controlá-la”.

Eles estão envolvidos em uma batalha de divórcio há anos, que inclui a guarda dos filhos e a vinícola Château Miraval, principal motivo de discórdia do ex-casal.

No início desta semana, a atriz afirmou que Pitt havia abusado fisicamente dela mais do que a única vez que ela havia alegado anteriormente, assegurando que houve outros casos antes disso.

Por que Shiloh não quer mais Angelina Jolie em sua vida?

Ela também alegou que Pitt pediu que ela assinasse um NDA (acordo de não divulgação) como parte de uma tentativa “injustificada” de “controlá-la” durante as negociações de venda da Miraval.

Foi por causa disso, segundo ela, que ela se recusou a vender sua parte na propriedade para Pitt e o deixou furioso ao vender sua participação no vinhedo ao bilionário russo Yuri Shefler em 2021.

Agora os advogados de Brad Pitt apresentaram uma moção na justiça pedindo a Jolie que divulgasse outros acordos de confidencialidade que ela celebrou com terceiros – incluindo sua própria equipe pessoal.

Acordos de Confidencialidade

De acordo com o site TMZ, seu advogado, John Berlinski, disse nos documentos legais: “Se Jolie condicionasse a continuidade do emprego de um indivíduo ao acordo desse indivíduo a um NDA cobrindo o que eles testemunharam em sua casa – incluindo o tratamento dispensado aos filhos e a Pitt – isso seria altamente probatório de se ela realmente acreditava que a medida solicitada por Pitt era uma ‘ordem de silêncio inescrupulosa’.

Receba as Notícias de OFuxico em seu celular

“O mesmo se aplica a qualquer NDA entre Jolie e qualquer terceiro com quem ela esteja em um relacionamento ou que tenha ajudado no cuidado dos filhos do casal”, indica o documento.

“Na medida em que Jolie solicitou o silêncio de terceiros sobre sua família ou vida doméstica, particularmente em uma circunstância em que não havia justificativa comercial, isso diria muito sobre se Jolie realmente viu o NDA solicitado por Pitt”, cutucou.

Paul Murphy, advogado de Angelina, disse posteriormente à coluna “Page Six” do jornal “The New York Post”: “Para Pitt equiparar NDAs comuns que cobrem informações confidenciais que os funcionários aprendem no trabalho, com ele tentando encobrir seu histórico de abuso, é francamente vergonhoso.”

Brad Pitt e Angelina Jolie dão novo passo para finalizar disputa

No novo processo, os advogados da atriz afirmaram: “Embora o histórico de abuso físico de Pitt contra Jolie tenha começado bem antes da viagem de avião da família, da França para Los Angeles, em setembro de 2016, este voo marcou a primeira vez que ele também direcionou seu abuso físico às crianças. Jolie então o deixou imediatamente.”

Porém um amigo de Brad Pitt afirma: “Este caso não é sobre o que aconteceu em um avião em 2016. É sobre se eles tinham um acordo para não vender suas participações na vinícola e na casa da família sem o consentimento do outro. É nisso que Brad e sua equipe estão focados e, até agora, o ímpeto jurídico tem estado do seu lado. O NDA que Jolie foi convidada a assinar é um contrato comercial padrão sobre as negociações de Miraval”, assegura.

Brad e a Bebida

Em uma entrevista antiga, Brad Pitt deixou claro que não está orgulhoso das coisas que fez no passado contra sua família, quando estava sob a influência da bebida.

Tanto o ator como Angelina nunca esconderam que seu problema com o álcool foi o que causou a separação de sua família.

Brad Pitt reconstrói sua vida com a espanhola Inés de Ramón

Em 2020 em uma conferência o ator revelou que graças ao amigo Bradley Cooper, ele deixou de beber.

Na época ele contou: “Bradley colocava sua filhinha para dormir e então corria para cuidar de mim. Ele é um querido. Eu fiquei sóbrio graças a esse cara e cada dia tem sido mais feliz desde então”, justificou.

Formada em Ciencias de la Comunicación (México), louca por gatos e fascinada com o mundo dos famosos. Feliz de ser parte do OFuxico desde 2000.


×