Morte da filha é marca profunda na vida de Cid Moreira: ‘O vício venceu’

Por - 29/09/23 às 11:32

Cid Moreira, de camisa branca, terno e gravataFotos: Reprodução TV Globo

Cid Moreira comemora seus 96 anos, nesta sexta-feira. A voz marcante da TV brasileira, que nos encantou com vários “boa noite” ou em narrações das apresentações do mágico Mister M, tem uma trajetória incrível em sua carreira como jornalista.

Mas nem sempre a vida é bacana e momentos difíceis já marcaram a vida do jornalista. Uma das marcas profundas na vida de Cid Moreira é a morte da filha, Jaciara, ocorrida em 2020. Na época, ela sofreu com enfisema pulmonar, devido ao vício em cigarros.

Ele refletiu sobre o potencial de Jaciara como uma talentosa apresentadora que poderia ter sido, se não fosse pelo impacto do vício em tabaco em sua vida. Cid comentou sobre como as drogas afetaram o destino de sua filha, lamentando a influência negativa do tabagismo em sua trajetória.

“Ela poderia ser uma grande apresentadora. Mas a droga… surgiu a droga e ela não conseguiu.”

Além disso, Cid Moreira compartilhou como enfrentou a dor da perda de sua filha e destacou sua capacidade de se reerguer diante das adversidades. “Diante do imponderável, eu sempre me curvei”, afirmou, em entrevista à Patrícia Poeta, no Programa “Encontro” desta sexta-feira, 29 de setembro.

Cid também disse ainda que quer viver até os 150 anos:

“Quero viver até os 150 anos,para namorar minha mulher”, disse ele, casado há 23 anos com Fátima.

---

Tags:


×